Divaldo Lara considera prefeitura de Bagé vulnerável e negligente em obras

PTB Notícias 16/06/2013, 12:35


Em sua manifestação na tribuna da Câmara Municipal de Bagé, o vereador petebista Divaldo Lara ressaltou o grande trabalho realizado pela Polícia Federal quanto às investigações a respeito da obra da Barragem da Arvorezinha, que aponta, inicialmente, apenas as empresas envolvidas na execução e fiscalização da obra, gerando desvio de R$ 930 mil em 18 itens irregulares, e apontando crimes como fraude em licitação, desvio de recursos públicos, formação de quadrilha e crimes ambientais.

Divaldo promete, em próxima oportunidade, trazer dados técnicos referentes ao estudo realizado durante 4 anos na Comissão para acompanhamento da Barragem.

Comissão essa, proposta por ele e que há muito tempo alertava a respeito de irregularidades.

O vereador preferiu falar da indignação de cidadão que não aceita o fato da maior autoridade do município e do diretor do DAEB não se pronunciarem oficialmente a respeito do caso e complementou dizendo que não duvida da inocência de ninguém e que o que está pedindo é o mínimo que todo cidadão bageense pede neste momento: honestidade, transparência e franqueza.

Divaldo Lara considera a prefeitura da cidade vulnerável e negligente quanto às obras e refere-se não apenas às grandes obras, como a da Barragem, mas também aos canteiros da Osório, a restauração da Hidráulica e as praças, que não saem do papel.

Em um momento que Bagé é nacionalmente noticiada de forma negativa, Divaldo Lara considera que este é o momento de defender os interesses da cidade e preservar a auto-estima da população, vitimada pelos fatos noticiados.

Para isso, pede união de todos para que defendam o orgulho de ser bageense.

‘Precisamos resgatar a bageensidade e nos unir, não permitindo que as pessoas sejam colocadas na mesma vala comum que um governo negligente’, finalizou o trabalhista.

fonte: site do PTB – RS