Divaldo Lara vai solicitar informações sobre cancelamento de contratos

PTB Notícias 17/11/2014, 7:08


A Caixa Econômica Federal suspendeu quatro contratos da Prefeitura de Bagé (RS), referentes a repasses de emendas parlamentares e verbas oriundas do orçamento da União.

No comunicado entregue à Câmara de Vereadores, a Caixa justifica que os projetos “não se enquadraram nos requisitos, condições e prazos estabelecidos no decreto 7654, de 2011, para a prorrogação dos respectivos empenhos”.

Agora, integrantes da oposição querem buscar informações junto ao Executivo.

Os contratos cancelados ultrapassam a casa de R$ 1,6 milhão, conforme reportagem publicada pelo Minuano.

O líder do PTB na Câmara, vereador Divaldo Lara, antecipa que irá protocolar pedido de informação, solicitando uma justificativa à Prefeitura.

“O município perdeu recursos para a pavimentação do acesso à Unipampa e para outras obras de pavimentação.

O artigo do decreto citado pela Caixa sugere descumprimento de contrato, utilização de recurso em desacordo com o plano de trabalho ou incorreção na apresentação de informações.

É algo definitivo, mas queremos saber o que realmente aconteceu e onde a administração errou”, explica.

À reportagem do Minuano, o coordenador de projetos do município, Antônio João Orabe, afirma que a administração tenta reverter a posição junto aos ministérios aos quais os recursos estão vinculados.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do jornal O Minuano Foto: Divulgação/Assessoria