Eduardo quer instituir Política de Agroecologia e Produção Orgânica no PA

PTB Notícias 10/06/2015, 17:38


O Brasil é campeão no uso de agrotóxicos, supera países como os EUA, que tem área cultivada maior.

O Brasil possui área cultivada de 50 milhões de hectares.

Representa apenas 4% de toda área cultivada entre os 20 maiores países agrícolas.

No entanto, consome 20% de todos os venenos do mundo, e é o campeão mundial de consumo de veneno.

O uso de mais de um bilhão de litros por safra o que representa 5,2 litros para cada brasileiro.

Em um momento onde a conservação do meio ambiente e a busca de uma alimentação mais saudável é uma demanda latente no anseio de uma sociedade mais consciente do seu papel no meio ambiente, a agroecológica – que é cultivo em harmonia com o meio ambiente, sem agressão a fertilidade do solo, sem o uso de agrotóxicos, fertilizantes sintéticos, reguladores de crescimento ou aditivos sintéticos para a alimentação animal, privilegiando o uso eficiente dos recursos naturais e o aproveitamento dos processos biológicos – é um elemento que deve ser incentivado, por meio de políticas públicas que auxiliem ao produtor a se valer desta técnica.

Pensando nisso, o deputado estadual Eduardo Costa (PTB-PA) apresentou projeto de lei que institui a Política Estadual de Agroecologia e Produção Orgânica (Peapo).

Para os fins desta lei, agroecologia compreende o campo do conhecimento transdisciplinar que estuda os agroecossistemas, visando ao desenvolvimento das relações entre capacidade produtiva, equilíbrio ecológico, eficiência econômica, equidade social e uso e conservação da biodiversidade e dos demais bens naturais, por meio da articulação entre conhecimento técnico-científico, práticas sociais diversas e saberes e culturas populares e tradicionais.

As ações da Peapo serão destinadas prioritariamente aos agricultores familiares e urbanos e aos povos e comunidades tradicionais.

“O projeto vai garantir, entre outras coisas, o auxílio técnico ao produtor para a transição do sistema tradicional para o sistema agroecológico.

A lei vai ser um marco importante para a renovação do modelo produtivo que prejudica o meio ambiente para um modelo sustentável”, diz Eduardo Costa.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria do deputado Eduardo Costa (PTB-PA)Foto: Divulgação/Assessoria