Eduardo Siqueira tenta ampliar alcance do ensino universitário no TO

PTB Notícias 2/03/2015, 17:20


A situação dos acadêmicos da Fundação Universitária do Tocantins (Unitins), dos campi de Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis, foi tema de discussão parlamentar na Assembleia Legislativa, na sessão de terça-feira (24/2/2015).

O problema é que os alunos estão sem aula por falta de professores, uma situação criada em virtude do não cumprimento do Termo de Ajuste de Conduta por parte de gestões passadas.

Para o deputado Eduardo Siqueira Campos (PTB), além de privar os cidadãos da região sudeste e do Bico do Papagaio da oferta de ensino superior gratuito, o não funcionamento dos cursos acarreta prejuízo incalculável aos alunos, em especial àqueles que vieram de outras localidades, prestaram o vestibular e nele foram aprovados.

“A atual gestão da universidade tem se preocupado mais em apontar pretensos erros da gestão passada e não em dar posse aos professores concursados.

Não está preocupada em realizar concurso para provimento de vagas de professores com mestrado e doutorado com vistas a suprir as necessidades dos campi de Palmas e do interior,” argumentou Eduardo.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Assembleia Legislativa do TocantinsFoto: Clayton Cristus/AL-TO