Edvaldo Brito quer emenda que institui voto aberto na Câmara de Salvador

PTB Notícias 24/04/2013, 6:57


O vereador Edvaldo Brito (PTB-BA) discursou na tribuna da Câmara Municipal de Salvador em defesa da emenda à Lei Orgânica do Município (LOM) que estabelece o voto aberto em caso de “deliberação sobre contas do prefeito”.

A proposta, que prevê a exclusão de um item do Artigo 37, foi apresentada simultaneamente por Brito e pelo presidente da Casa, Paulo Câmara (PSDB), na terça-feira (23/4/2013), na reunião de líderes.

“Só queremos que subam nessa tribuna e justifiquem suas escolhas que devem ser feitas por razões técnicas.

Eu as dei.

Eu as darei.

Apresentei a proposta, mas também subscreverei a de Paulo Câmara e aqui coloco à disposição as minhas justificativas jurídicas que definem o voto secreto como inconstitucional”, defendeu.

Durante a sessão marcada por acusações e declarações de repúdio por especulações veiculadas na imprensa sobre a votação das contas da gestão João Henrique para o ano de 2010, Edvaldo Brito também usou o assunto para argumentar o seu desejo pela modificação na LOM.

“Que agora possamos justificar o contrário do que alguns veículos têm publicado.

Ou nós mudamos nosso comportamento aqui dentro, coerente com as aspirações da sociedade, ou seremos alvos de suposições”, definiu.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Política Livre