Elizeu Aguiar destaca compromisso de ministro para alargamento de rodovia

PTB Notícias 3/10/2009, 9:35


A cidade de Picos, no Estado do Piauí, encontra-se no entroncamento de quatro grandes rodovias brasileiras, tornando-se, assim, uma região propícia sempre ao desenvolvimento.

Depois levar o assunto em discurso na Câmara dos Deputados, em Brasília, o deputado federal Elizeu Aguiar, do PTB piauiense, conseguiu a garantia que a BR principal que corta a cidade, na entrada e saída, sofrerá um processo de alargamento, importante para o trânsito da região, com a construção de uma pista de rolamento na entrada e saída da cidade.

Em audiência com o ministro dos Transportes Paulo Sérgio Passos, o deputado petebista conseguiu fazer a ponte entre o Ministério e o Departamento Nacional de Infra Estrutura de Transportes no Piauí, a fim de reforçar uma necessidade daquela região.

“Estivemos com o ministro Paulo Passos e conseguimos a sinalização dele de que a duplicação que sugerimos só seria possível para daqui há quatro anos.

Porém, ele nos garantiu que este alargamento, deve fazer fluir muito mais o trânsito de caminhões, carretas e outros transportes pesados que diariamente circulam nas BRs”, confirmou Aguiar.

Cortam a cidade, no perímetro urbano: a BR-316 que começa em Belém do Pará e termina em Maceió/Alagoas e passa no coração da cidade de Picos; a BR-230, a histórica Transamazônica, com seus 4.

000 km de extensão, começa na litorânea e portuária cidade de Cabedelo na Paraíba, corta os estados da Paraíba, o Ceará, Maranhão, Pará e Amazonas; BR-020, a Fortaleza-Brasília, que integra o Nordeste brasileiro ao Centro-Oeste e Cerrados do Brasil; e a BR-407 que começa em Vitória da Conquista/Bahia e termina na cidade de Piripiri/Piauí.

O Dnit, através do seu diretor, Sebastião Braga, garante que a obra será possível sim, principalmente se incluída no planejamento que o departamento tem de recuperação de estradas no interior do estado.

Para o deputado Elizeu Aguiar será uma obra importante para a economia do estado.

“É uma microrregião estratégica para o desenvolvimento do nosso Estado e da região Nordeste.

O Entroncamento Rodoviário que lá existe é o segundo maior do Nordeste Brasileiro”, disse.

“Estas quatro grandes rodovias de integração regional e inter-regional trouxeram o progresso para a microrregião de Picos e para o Piauí.

Entretanto, hoje, esse Entroncamento Rodoviário da cidade de Picos, entretanto esta intervenção se faz necessária”, concluiu.

fonte: Jornal Diário do Povo (PI)