Elmano Férrer quer adutora para abastecimento de água no sertão do Piauí

Agência Trabalhista de Notícias 24/11/2015, 7:56


O senador Elmano Férrer (PTB-PI) comemorou na segunda-feira (23/11/2015) a decisão da 5ª Vara da Justiça Federal do Piauí, que ordenou à União que adote, por meio do Ministério da Integração Nacional, providências para a elaboração do projeto básico de uma adutora para o abastecimento de água no sertão do Piauí no prazo de quatro meses, sob pena de multa diária de R$ 200 mil.

De acordo com Elmano, a construção da obra custará R$ 950 milhões e vai solucionar a seca no Estado por pelo menos 300 anos.

Ao contrário dos caminhões-pipa, que, de acordo com o parlamentar, representam, a cada ano, gastos de R$ 80 milhões e não resolvem o problema da falta d”água.

O senador disse que a administração pública, ao invés de gastos “estéreis” com carros-pipa, deve voltar sua atenção para uma solução definitiva, racional e sustentável, que é a adutora.

“Pretendo debater com o ministro da Integração Nacional e com a bancada federal do Piauí como podemos contribuir para a elaboração e implantação da adutora do sertão do nosso Estado.

Não se trata aqui de mero cumprimento de decisão judicial, mas de implementação de verdadeiro diálogo institucional que deve envolver, além da União e o governo estadual, os senadores, deputados federais, deputados estaduais, prefeitos e vereadores para buscarem saída de convivência com a seca”, afirmou.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Agência Senado Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado