Elmano Férrer quer que o idosicídio seja considerado crime hediondo

PTB Notícias 19/06/2015, 17:14


Em discurso no plenário na quinta-feira (18/6/2015), o senador Elmano Férrer (PTB-PI) anunciou a apresentação de projeto de lei para incluir o idosicídio no rol dos crimes hediondos, com aumento de pena quando o crime for praticado por descendente da vítima.

Idosicídio é o homicídio de idosos.

“Quando o crime atinge um idoso, a punição tem de ser exemplar.

As pessoas idosas devem receber todo o respeito que merecem”, declarou.

Elmano também registrou a passagem do Dia Internacional de Enfrentamento à Violência contra Pessoa Idosa, celebrado em 15 de junho.

O objetivo da data é criar uma consciência social e política da violência contra os idosos.

“As vítimas de violência geralmente são pessoas em situação de fragilidade e vulnerabilidade.

É o caso das pessoas idosas”, afirmou.

Elmano Férrer disse que é natural que, com o passar dos anos, a pessoa precise de mais proteção, cuidado e amparo.

No entanto, lamentou, muitos idosos passam a ser maltratados, até com agressões físicas e até por parentes.

Com base em uma pesquisa do Portal da Terceira Idade, o senador disse que 65% dos idosos consideram maus tratos a forma preconceituosa como são tratados na sociedade, o desrespeito no transporte público, a falta de leitos hospitalares e o baixo valor da aposentadoria.

Segundo o parlamentar trabalhista, eles também reclamam do abandono da família.

“Quero reafirmar aqui meu compromisso de defesa permanente dos direitos dos idosos.

É uma bandeira que levantarei exaustivamente”, disse Elmano, prometendo retomar o assunto em futuros discursos.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Agência SenadoFoto: Moreira Mariz/Agência Senado