Em artigo, Marlúcio enaltece emancipação política de Aparecida de Goiânia

PTB Notícias 17/11/2014, 7:04


Em artigo publicado no Diário de Aparecida, na quinta-feira (13/11/2014), o deputado estadual Marlúcio Pereira (PTB) faz uma reflexão sobre a importância que foi o processo de emancipação política de Aparecida de Goiânia (GO), cidade onde mora há quase 30 anos.

O parlamentar petebista lembra as dificuldades vividas pela cidade no passado, as conquistas, mas também conclama a coletividade para continuar lutando para que a cidade cresça ainda mais.

Leia o artigo na íntegra:Aparecida – 51 anos emancipando grandes conquistasO atual cenário socioeconômico vivido por Aparecida de Goiânia nos remete diariamente a uma profunda reflexão sobre a importância da emancipação política do nosso município e a conclusão é sempre a certeza de que valeu a pena deixarmos de ser um distrito de nossa querida capital Goiânia.

Parece repetitivo ressaltar que num passado ainda recente, Aparecida era considerada uma “cidade problema”, que fazia parte de um imenso cinturão da pobreza que se formava ao entorno da capital.

Situação que confesso – gostaria que ficasse no esquecimento, porém é este passado difícil serve como combustível para trabalharmos incansavelmente e nunca mais repeti-lo.

A nossa tão sonhada liberdade datada de 1963 era só inicio dos grandes desafios que tínhamos no futuro.

Para mudar esta triste realidade era preciso driblar tais desafios inevitáveis com um imenso inchaço populacional.

Tornar a cidade mais competitiva, atrair novas empresas, gerando divisas para o município, encarar os índices de criminalidade, investir em educação, saúde e assim as outras áreas foram sentindo reflexos do trabalho realizado pelas lideranças políticas de Aparecida, que entenderam que era hora de mudar o curso social das coisas pelo bem da coletividade.

Trabalho este realizado pelas administrações anteriores e continuada pela atual gestão.

Sentimento que carrego desde que desembarquei aqui com minha família.

Muito mais que uma cidade para morar, nossa intenção sempre foi de poder contribuir para Aparecida que despontasse com uma nova cara nos índices sociais.

Revertido de um sentimento de luta logo percebi a necessidade deste povo que almejava dias melhores com uma melhor qualidade de vida.

Por isso nos lançamos na vida pública, primeiro como presidente de associação de moradores, assumimos importantes pastas na esfera pública municipal, depois uma cadeira na Câmara de Vereadores, fomos suplentes de senador e hoje pelas mãos do povo aparecidense representamos meio milhão de pessoas na Assembleia Legislativa.

Com 30.

957 votos que recebemos nas últimas eleições, mais uma vez encaramos com muita responsabilidade esta missão de continuar a representar nossa querida cidade no parlamento goiano.

Por isso, o processo de emancipação foi mais que um feito.

Foi um chamamento para que nós também nos emancipássemos, nos libertássemos em nome de uma causa maior, que é o povo desta cidade.

Neste mês em que também comemoramos a Consciência Negra, as palavras de Nelson Mandela tomam o mundo com suave, mas contundente, força ao lembra que é “não há nada como a liberdade”.

A Bíblia também nos mostra que foi para a liberdade que Cristo nos libertou e que façamos desta liberdade motivo para continuarmos trabalhando para que novas conquistas possam ser alcançadas e que Aparecida possa se emancipar a cada dia que passa rumo a futuro cada vez melhor.

Torcemos ainda para que nossas futuras lideranças políticas possam entender que as correntes do passado foram quebradas e agora é preciso continuar fazendo com que a cidade continue galgando excelentes patamares no cenário nacional.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria do deputado Marlúcio Pereira (PTB-GO) Foto: Marcos Kennedy/Alego