Em audiência pública, Tião Miranda presta contas e anuncia obras em Marabá

PTB Notícias 5/06/2018, 8:08


Imagem Crédito: Divulgação

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1528170023492{margin-bottom: 0px !important;}”]Com o plenário lotado por populares, líderes comunitários, religiosos e demais pessoas interessadas, foi realizada na quarta-feira (30), na Câmara Municipal de Marabá (PA), a audiência pública de prestação de contas do 1º quadriênio/2018 do governo de Tião Miranda (PTB).

A apresentação dos relatórios fiscais foi feita pelo secretário municipal de Planejamento e Controle, Karam El Hajjar. Ele lembrou que, nos últimos nove anos, não houve nenhuma prestação de contas dos governos anteriores. No entanto, na atual gestão, frisou o secretário, se fará cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), adotando um dos princípios básicos da administração pública: a transparência na gestão financeira e fiscal.

De acordo com Karam, uma prestação de contas, além de apresentar as receitas e despesas realizadas, os limites constitucionais repassados e gastos como determina a lei em setores como educação, saúde e pessoal, é também adotar princípios de valorização e motivação da participação social e manter um relacionamento harmônico com os segmentos da sociedade e poderes constituídos.

Após a apresentação dos números relacionados à prestação de contas, o prefeito Tião Miranda fez um breve e enfático discurso. “É importante que a população participe e entenda melhor como funciona a vida financeira do município. É preciso cumprir metas, ter equilíbrio financeiro para obter convênios para que a prefeitura possa cumprir com sua responsabilidade”, destacou.

O petebista lembrou o que se tornou uma marca em seus discursos, de que é preciso ter controle nos gastos. “Não se pode ter uma prefeitura onde as despesas superem as receitas. É preciso ter equilíbrio.”

Tião fez questão de registrar também que hoje a prefeitura tem capacidade de investimento, e anunciou um pacote de obras para este verão em Marabá, no campo e na cidade, que vai desde asfalto, reformas de escolas e Unidades Básicas de Saúde (UBS), praças e outras obras que estavam paradas há mais de dois anos e agora serão reativadas.

Com o equilíbrio financeiro, Tião Miranda também anunciou o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário de todos os servidores já no vencimento de julho, como havia adotado em suas administrações anteriores.

Para a vereadora Irismar Melo, “este momento é um momento que fortalece a relação entre o poder público e a administração, e mostra a respeito do Executivo com o Poder Legislativo em atender a solicitação e se fazer cumprir a LRF”.

O presidente da Câmara Municipal, vereador Pedro Corrêa, foi incisivo em afirmar que “o Executivo está fazendo o seu papel assim quanto o Legislativo, que convocou esta audiência pública para ter conhecimento de onde está sendo investido o dinheiro público, e que nos últimos governos, apesar de várias convocatórias, não havia resposta positiva, desrespeitando inclusive a população do município”.

Na galeria de honra, diversas lideranças comunitárias participaram da audiência. Kátia Rodrigues, da Associação de Moradores da Nova Marabá, lembrou que “este é um momento de fazer cobranças e levar benefícios para os bairros”. De acordo com ela, muito tem-se feito, mas é preciso mais, principalmente em áreas com maior vulnerabilidade. O mesmo direcionamento foi dado pelo líder comunitário Gessí Martins, que foi pedir mais atenção para o bairro em que mora.

Em resposta ao posicionamento das lideranças comunitárias, Tião Miranda informou que “todos os bairros serão contemplados durante a realização de obras, pois vários problemas foram levantados em todas as áreas da cidade e que serão atendidos conforme o andamento dos serviços”.

O líder do governo na Câmara, vereador Thiago Koch, fez questão de registrar que “essa transparência do governo Tião Miranda é uma resposta à confiança da população no atual governo, e que esta prestação de contas será uma prática comum num governo que tem responsabilidade com os recursos públicos”. “Não é por acaso que o governo Tião Miranda está com mais de 80% de aceitação popular e confiança em recente pesquisa realizada no município”, finalizou.

Com informações da Prefeitura de Marabá[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]