Em Brasília, Divaldo Lara busca recursos para sanar prejuízos da seca

PTB Notícias 22/03/2018, 10:56


Imagem Crédito: Divulgação

O prefeito de Bagé (RS), Divaldo Lara (PTB), está em Brasília cumprindo agenda de visitas a gabinetes e ministérios em busca de recursos que auxiliem os municípios do Sul e campanha a enfrentar os prejuízos da estiagem.

Durante encontro com os ministros da Integração Nacional, Helder Barbalho, e da Agricultura e Pecuária, Mauro Blagio, Divaldo e uma comitiva de prefeitos das cidades do Sul pediram apoio para o momento crítico de seca. “Nossa situação é crítica. No total, já acumulamos R$ 500 milhões em prejuízos em uma região que já tem certas dificuldades econômicas que se agravam nessa estiagem”, destacou.

Segundo o coordenador de captação de recursos da Secretaria de Gestão, Planejamento e Captação de Recursos (Geplan), Márcio Pestana, entre o que está sendo solicitado está a busca por uma Bolsa Estiagem, recursos para o pequeno produtor, ração para gado de corte e leite, recursos para horas/máquina, que serão utilizados na abertura de açudes. No Ministério da Agricultura e Pecuária também foi solicitado o alongamento e prorrogação da dívida dos pequenos, médios e grandes produtores.

Para Divaldo Lara, a força da caravana gaúcha que foi a Brasília deve colaborar para que os ministérios direcionem atenção aos prejuízos locais. “Existem produtores no município vizinho que, além de não ter água para o consumo, não tem mais o que comer, porque os poucos animais que sobrevivem nas propriedades já começaram a ser abatidos para o sustento das famílias. Essa é a realidade de um município que tem terras fartas, mas que passa por um momento de extrema dificuldade e precisa do apoio e entendimento dos líderes nacionais, Defesa Civil e o governo do Estado para que seja feito tudo o que é possível fazer”, destacou.

Com informações da Prefeitura de Bagé