Em painel sobre segurança pública, vice-governador Ranolfo Vieira Júnior fala sobre o combate aos crimes do campo

Agência Trabalhista de Notícias - 13/03/2019, 8:55

Crédito: Júlia Soares/GVG

Imagem

O vice-governador e secretário da Segurança Pública e da Administração Penitenciária do Rio Grande do Sul, Ranolfo Vieira Júnior, participou na segunda-feira (11) de um painel sobre segurança pública na 20ª edição da Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque (RS).

Com foco nos crimes que atingem o agronegócio gaúcho, o painel foi promovido pela Cotrijal e pela Frente Parlamentar de Combate aos Crimes Agropecuários da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, presidida pelo deputado Sérgio Turra (PP), e pelo Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindveg).

Em sua participação no painel, o vice-governador salientou a importância do programa RS Seguro também para o combate aos crimes do campo. O petebista lembrou também que, até agosto, Brigada Militar e Polícia Civil contarão com acréscimo de cerca de 2,5 mil novos servidores, e que a estratégia de distribuição destes efetivos deverá levar em conta as necessidades do meio rural.

“Do campo a cidade, da cidade ao campo, iremos aplicar o programa RS Seguro. Com relação aos crimes do campo, por exemplo, precisamos ter pronto-emprego do efetivo da Brigada Militar. Com certeza as patrulhas rurais farão parte da estratégia de alocação dos novos servidores da corporação”, afirmou.

Ranolfo Vieira Júnior ainda abordou um tema que preocupa boa parte dos produtores rurais gaúchos: os crimes de abigeato. O vice-governador ressaltou o empenho que a Secretaria da Segurança Pública (SSP-RS) vem tendo no combate a esse tipo de delito, com a criação da Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (DECRAB). Em 2018, foram instaladas três DECRABs, em Bagé, Santiago e Cruz Alta. Há ainda a possibilidade de instalação de outras duas nas cidades de Camaquã e Uruguaiana.

Além de Ranolfo e Turra, participaram do painel o superintendente de Produção Agropecuária da Cotrijal, Gelson Lima, e o gerente de Segurança da Syngenta no Brasil, Daniel Nascimento.

Expodireto Cotrijal

A 20ª edição da Expodireto Cotrijal, uma das mais importantes feiras do agronegócio do mundo, foi aberta oficialmente na segunda-feira (11), em Não-Me-Toque, capital nacional da agricultura de precisão, no norte do Rio Grande do Sul. Até sexta-feira (15), 534 expositores, em 98 hectares, estão preparados para receber cerca de 250 mil visitantes de mais de 70 países.

Focada em tecnologia e negócios, a feira tem expectativa de alcançar o patamar do período anterior à crise econômica, em 2014. A projeção é somar R$ 2,7 bilhões em propostas encaminhadas durante o evento. Se a cifra for confirmada, haverá crescimento de 20% em relação ao ano passado, quando o volume de negócios ficou em R$ 2,2 bilhões.

Com informações do gabinete do vice-governador do Rio Grande do Sul