Em Prudente (SP), Tupã recebe presidente da Federação Aquática Paulista

PTB Notícias 23/09/2014, 7:22


O prefeito de Presidente Prudente (SP), Milton Carlos de Mello “Tupã” (PTB), recebeu, na segunda-feira (22/9/2014), no Gabinete do Paço Municipal “Florivaldo Leal”, o presidente da Federação Aquática Paulista (FAP), Miguel Carlos Cagnoni.

Segundo ele, a ida ao município serve para acompanhar o andamento das obras de construção da piscina do Centro Olímpico.

“Estive no início das obras, da piscina de 50 metros, e agora vim ver o desenvolvimento delas.

Ver ainda algo no ponto de vista de certificação internacional, para podermos homologar a piscina para qualquer tipo de competição”, pontua.

Participaram da reunião os titulares das secretarias de Esporte (Semepp) e Obras e Serviços Públicos (Sosp), Maria Cristina Borges Madeiral Netto, a Tute, e Rodnei Rena, o Nei Rena, respectivamente, bem como a assistente técnica da Semepp, Michelini Cardoso Ferreira, o técnico da natação de Prudente, Elvancir Pereira do Nascimento, o Pépe, e o engenheiro da Sosp, Ailton Peretti.

De acordo com Cagnoni, o trabalho da atual gestão em relação ao esporte é “muito bom”.

“Isso vimos em termos de resultados, sendo esses de campeonatos estadual e nacional a equipe de Prudente sempre se destaca.

Na formação de seleções sempre tem vários representantes daqui.

É um trabalho bem feito e realizado em conjunto pela Secretaria de Esporte, pelo prefeito, pelo trabalho do pessoal técnico, enfim.

É esse conjunto de ações que faz a cidade ter um esporte de qualidade”, elogia.

Para secretária de Esporte, receber elogios do presidente da FAP dá a sensação de que o trabalho realizado em Prudente está correto.

Além disso, sobre a visita dele, a secretária diz que é de suma importância tê-lo no município.

“É importantíssimo este acompanhamento nas obras.

Por sermos pólo regional e por ele ter um olhar diferenciado ao interior, nos dá a expectativa de novos projetos e de termos a natação prudentina ainda mais fortalecida”, destaca.

Por fim, sobre a formação de atletas, o presidente da FAP diz ser algo muito importante.

Conforme ele, isso faz com que o esportista seja preparado, desde a idade mais tenra, para qualquer eventualidade.

“O atleta é obrigado a decidir uma série de coisas que uma pessoa comum só vai ter utilizar essa capacidade de decisão muito mais tarde, é uma questão de amadurecimento, aprendizado de vida e principalmente uma questão de saúde”, frisa.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Secretaria Municipal de Comunicação de Presidente Prudente Foto: Divulgação/ASCOM Prefeitura de Presidente Prudente