Em reunião da Comissão de Saúde, Arlen Santiago tem sete pedidos aprovados

PTB Notícias 13/04/2017, 7:40


Imagem Crédito: Luiz Santana/ALMG

Em reunião da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais nesta quarta-feira, 12, o deputado Arlen Santiago (PTB) teve sete pedidos aprovados, um deles para debater o plano de ação de 2017 e 2018 da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG).

Os demais são para discutir as terceirizações, por meio do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), nos hospitais da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig); a situação dos aprovados em concurso da Secretaria de Estado de Saúde realizado em 2014; e o fechamento do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Barbacena (Região Central do Estado).

Os outros requerimentos de Arlen Santiago são para debater: a utilização da etiqueta desenvolvida pela estudante Marcella Rocha Franco, da Universidade Federal de Ouro Preto, que atestaria a qualidade de carnes oferecidas ao consumidor; a situação da nefrologia no Estado e no Brasil; e o direito à saúde e a precariedade do acesso aos recursos diagnósticos e terapêuticos disponíveis para os usuários do SUS.

Com informações da Assembleia Legislativa de Minas Gerais