Emeda de Divaldo Lara destina verba para Festival de Cinema da Fronteira

PTB Notícias 10/12/2014, 20:01


Pensando na edição 2015 do Festival de Cinema da Fronteira, o vereador Divaldo Lara apresentou emenda ao orçamento do município de Bagé destinando R$ 100 mil para o evento, que este ano chegou a sua 6a.

edição.

Percebendo não haver dotação orçamentária específica para esta finalidade, o vereador reuniu-se com o cineasta e idealizador do festival, Zeca Brito, além de membros da comissão organizadora, Sapiran Brito e Gladimir Aguzzi, para expor as vantagens da medida.

“Estamos criando um marco na história do festival.

A emenda que apresento prevê, além da realocação de R$ 100 mil, retirados de parte dos R$ 7 milhões destinados ao gabinete do prefeito, a criação de uma rubrica específica para este fim”, explica o vereador demonstrando que, desta forma, é possível captar mais recursos públicos, estaduais e federais.

O cineasta e idealizador do festival, Zeca Brito, demonstra a relevância do festival através da quantidade de produções realizadas em Bagé: “Dos 500 filmes inscritos nesta última edição, 80 foram produzidos aqui.

As produções cinematográficas envolvem um número grande de prestadores de serviços, é importante desenvolver esse pensamento macro tanto no poder público quanto na sociedade para que haja envolvimento e comprometimento de todos”, explica Brito.

Especificamente sobre a questão turística, a apresentação das produções da Argentina, Cuba, Uruguai, Paraguai e Peru, no Festival de Cinema da Fronteira, aguçam a curiosidade das pessoas envolvidas com cinema, de outros países, por conhecer Bagé, a cidade sede do festival.

A portuguesa Carla Henriques, curadora da 6a.

edição do festival, jornalista e produtora do programa Grande Plano de Rádio e Televisão Portugal, lembra que, “mesmo na Europa, não são as capitais dos países que sediam os grandes festivais de cinema – caso de Veneza, na Itália -, e Bagé tem total potencial para assumir este posto”, constata.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do PTB-RS Foto: Divulgação/Assessoria