Eros Biondini participou em Brasília de reunião com bancada Cristã

PTB Notícias 19/05/2011, 16:12


Na última quarta-feira, 18/05/2011, depois de um encontro da bancada cristã em Brasília/DF, decidiu-se que a mesma se manteria em obstrução nas votações em plenário sobre a veiculação e distribuição do “kit gay” nas escolas, até que fossem feitos mais esclarecimentos pelo ministro da Educação, Fernando Haddad.

O deputado federal Eros Biondini (PTB-MG), um dos coordenadores da bancada católica no Congresso, em sua fala junto ao ministro e os demais representantes da bancada, reafirmou seu posicionamento contrário à divulgação do kit do jeito que ele se encontra.

Para ele, o que deve ser combatido nas escolas são o preconceito e a violência de uma forma geral, não se restringindo apenas a uma parcela dos alunos.

O material visto pelos parlamentares não se trata no seu mérito de um combate a homofobia, como é posto por seus idealizadores, mas sim uma propaganda explícita de uma opção sexual, o homossexualismo.

Essa forma de divulgação, feita por um órgão federal, é uma afronta e um disparate já que “privilegia” apenas um nicho da sociedade e não tem o respaldo de todos.

O ministro fez as suas ponderações, dizendo que o kit ainda precisa de aprovação de um conselho do MEC e se comprometeu a antes de sua divulgação ouvir uma comissão de parlamentares, para que eles possam ver o que pode ser mudado.

Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações do Site do Deputado Eros Biondini