Everaldo Fogaça vê com ressalvas contratação de empresas de ônibus

PTB Notícias 12/11/2015, 6:42


O vereador Everaldo Fogaça (PTB) disse na terça-feira (10/11/2015) que vê com muitas ressalvas a contratação das duas novas empresas para a execução do transporte público de passageiros de Porto Velho (RO).

Segundo ele, se as empresas cumprirem à risca o que expuseram no vídeo apresentado aos vereadores, será ótimo para os passageiros, mas algumas questões devem ser analisadas.

De acordo com o vereador, as classes dos taxistas e mototaxistas serão atingidas diretamente, uma vez que o novo sistema a ser implantado dentro de 60 dias deverá garantir o transporte de passageiros via micro-ônibus aos portovelhenses.

“O sonho do cidadão portovelhense sempre foi um transporte de qualidade.

O problema é que essas mudanças sempre trazem consigo algumas consequências, e meu receio é o impacto na oferta de passageiros para mototaxistas e taxistas”, comentou.

Everaldo Fogaça considerou, no entanto, que há outras questões mais graves a serem debatidas.

Os empresários informaram que vai ter aumento no valor da passagem e não há garantia de absorção de 100% da mão de obra hoje das empresas 3 Marias e Rio Madeira e também não há qualquer garantia no pagamento dos passivos trabalhistas dos trabalhadores que operam no sistema.

Os representantes das duas empresas, Adélio Borafaldi, da Ideal (Rovema), e Paulo Dartora Cardoso, da Amazontur, disseram que os trabalhadores contratados terão que passar nos testes admissional.

“As novas empresas vão resolver parte do problema, mas vão permanecer outros.

Essa questão dos trabalhadores continua sem solução é a mais grave.

A prefeitura não conseguiu resolver o problema e agora vai fazer um jogo de empurra-empurra junto com as empresas.

Um vai jogar a responsabilidade para o outro e, no final, vai sobrar de novo para os trabalhadores do transporte”, finalizou.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Rondônia DiretaFoto: Divulgação