Executiva do PTB da Paraíba se reúne, em João Pessoa, e tira deliberações

PTB Notícias 20/05/2013, 17:00


Em reunião que durou cerca de duas horas, a Executiva do PTB da Paraíba se reuniu, nesta segunda-feira (20/5/2013), na sede do diretório estadual do partido, em João Pessoa, para discutir e deliberar sobre temas e questões que balizam o processo de fortalecimento da legenda trabalhista, em todo o estado.

Coordenada pelo presidente regional do partido, o ex-senador Wilson Santiago, a reunião ainda incluiu o deputado estadual Carlos Dunga, o ex-deputado Armando Abílio, prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e ex-vereadores, além de outros militantes, para estabelecer um calendário de encontros regionais – começando por Itaporanga, Monteiro e Cajazeiras –, definir processo de filiação de lideranças interessadas nas eleições de deputado estadual e federal (2014), iniciar conversações com vistas a coligações para o pleito proporcional, envolvendo outras siglas partidárias (como couber), e fortalecer a Juventude do PTB e o PTB Mulher.

Os encontros regionais vão cobrir toda a Paraíba, e, numa outra etapa, serão realizadas em outras cidades-pólos do estado, como Guarabira, Patos, Sousa, Mamanguape (ou Rio Tinto), Princesa Isabel, Campina Grande e Santa Luzia.

O Litoral Sul também será incluído no calendário das visitações, e a “caravana” petebista deverá aportar, ou na cidade de Conde ou em Alhandra, em razão da posição geográfica de cada uma.

Sobre se o PTB seguirá a linha governista ou a de oposição, na Paraíba, os dirigentes petebistas decidiram que essa é uma questão a ser tratada, efetivamente, durante o processo de fortalecimento político e eleitoral da legenda, nos próximos meses.

Foi Carlos Dunga quem levantou o questionamento, com mais ênfase, já interessado em saber qual direcionamento político a ser tomado, pelo PTB, frente ao grande debate político estadual, e todos os que se fizerem presentes, à reunião, terminaram transferir decisões, como essas, para mais adiante.

Wilson Santiago deixou claro, durante o evento, que a legenda trabalhista terá que manter postura de independência, com responsabilidade política e espírito público, dentro e fora da Assembleia Legislativa, porém ressalvando que o partido está francamente aberto a discutir a problemática paraibana, a qualquer momento, com todo e qualquer segmento interessado num projeto de desenvolvimento global para o estado.

“Dialogar é o nosso lema, e não vemos empecilho algum para que isso venha a ocorrer”, avisou o ex-senador, para quem a reunião de hoje serviu, também, para costurar a unidade partidária (no caso, o PTB), na Paraíba.

Todos os presentes à reunião foram do entendimento de que, uma vez redefinida a estruturação do partido, no estado, inclusive através de um processo de filiação em massa, o PTB deverá tomar parte no debate relativo ao processo eleitoral majoritário, dispondo, à mesa de todas as conversações, as fichas de que poderá ser detentor para a formação de uma das chapas concorrentes.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria do PTB da ParaíbaFoto: Divulgação