Executiva Nacional do PTB muda diretório e fortalece Armando Abílio

PTB Notícias 8/02/2009, 9:35


O deputado federal Armando Abílio, presidente estadual do PTB, vem ganhando força dentro do partido com a substituição de dois membros do diretório estadual por nomes da sua confiança.

Abílio trava uma disputa interna com o secretário de Agricultura do Estado, Carlos Dunga, que é contrário a tese de Abílio que quer o PTB junto numa aliança entre o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB) e o governador Cássio Cunha Lima (PSDB) nas eleições de 2010.

O deputado Armando Abílio negou o afastamento do secretário de Agricultura do Estado, Carlos Dunga e do seu filho, deputado Dunga Júnior, do diretório estadual do partido como chegou a publicar um portal de notícias.

De acordo com Armando Abílio, o que aconteceu foi o comunicado do Diretório Nacional do afastamento do médico Fernando Ramalho, presidente do PTB de Bayeux e a substituição por José Bronzeado, parente da esposa de Abílio, e a substituição de Martinho Silveira, homem de confiança de Dunga, pela secretária do partido Márcia Olinto.

O presidente do PTB justificou que o afastamento de Fernando Ramalho se deve ao fato dele ser presidente do Diretório Municipal de Bayeux e por isso não poder ser membro do diretório estadual.

Ele, contudo, não apresentou justificativa da saída de Martinho Silveira.

“Isso é absolutamente normal no partido, já que os filiados presidiam o partido nos municípios e não podiam compor duas instâncias partidárias”, completou.

Sobre a disputa interna do partido, Abílio justificou que é algo normal, “o que é estranho é o fato de há mais de um ano o secretário Carlos Dunga não participar de nenhuma reunião no Diretório Estadual”.

Ele acrescentou que no próximo ano o partido irá deliberar a sua posição, mas afirmou que hoje o pensamento majoritário no partido é o apoio da legenda a candidatura do prefeito de João Pessoa ao governo do Estado e do governador Cássio Cunha Lima para o Senado com participação do partido na chapa majoritária.

Ele citou o exemplo do prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PTB), que por questões locais não apóia essa tese, mas garantiu que seguirá a maioria no partido.

O secretário de agricultura e suplente de senador, Carlos Dunga, preferiu não comentar a notícia do afastamento sem obter a confirmação oficial do partido.

Ele disse, contudo, que não acredita que Abílio teria feito isso.

O Diretório Estadual do PTB definiu durante reunião esta semana que no dia 8 de março será lançado, em João Pessoa, o PTB Mulher e no mês de abril o PTB Jovem.

Segundo ele, a iniciativa faz parte da estratégia da legenda para fortalecer esses dois segmentos que serão importantes para o engrandecimento do partido na Paraíba.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações do Portal Paraíba News