Fernando Collor anuncia que pedirá licença do Senado por quatro meses

PTB Notícias 20/08/2007, 19:48


O senador Fernando Collor de Mello, presidente do Diretório Estadual do PTB de Alagoas, anunciou nesta segunda-feira, 20/08, que irá tirar uma licença de quatro meses do cargo a partir da próxima semana.

Em seu lugar, assumirá o primeiro suplente, seu primo Euclides Melo.

Oficialmente por meio de sua assessoria, o senador Fernando Collor explica que a agenda do Senado não avaliará este ano dois pontos que, segundo ele, são principais no seu mandato: a reforma política e o meio ambiente (Collor é vice-presidente da Comissão Mista sobre Mudanças Climáticas).

Com a licença, o senador petebista poderia atender a inúmeros convites que, de acordo com sua assessoria, vem recebendo para dar palestras e participar de eventos.

O ex-presidente da República é favorável ao parlamentarismo e já apresentou proposta de emenda à Constituição para instituir o sistema no Brasil.

Collor acredita que a alteração pode evitar crises políticas provocadas pela centralização do comando do país no presidente da República.

Desde que voltou a Brasília, em fevereiro, o senador também procurou discutir assuntos voltados à questão ambiental.

Das sete comissões das quais participa no Senado, três estão ligadas ao meio ambiente.

Além disso, é um dos críticos à produção do álcool combustível, pois acredita que expansão da plantação da cana-de-açúcar pode comprometer a produção de alimentos.

Durante a licença, Collor também deverá organizar o PTB em Alagoas para as as eleições municipais de 2008.

Agência Trabalhista de Notícias (com G1 e Folha Online)