Frank Aguiar assina protocolo para construir Centro de Tradições

PTB Notícias 16/03/2010, 7:31


O prefeito em exercício de São Bernardo, Frank Aguiar (PTB), assinou nesta segunda-feira (15/3), o protocolo de intenções para a criação do Centro de Tradições Nordestinas (CTN) no município.

O projeto, semelhante ao existente no Bairro do Limão, na capital paulista, deverá ser o maior empreendimento desse porte no País e tem como proposta apresentar as culturas dos nove estados nordestinos, ao mesmo tempo em que buscará gerar renda para São Bernardo.

O termo para financiamento será acordado com uma entidade internacional e nos próximos dias o projeto deverá ser encaminhado para discussão na Câmara.

Estiveram presentes no gabinete o representante da Arbeit Desenvolvimento Mobiliário, José Ferraz, empresa que assinou o termo de cooperação que autoriza a corporação a elaborar o estudo de viabilização do projeto, além do arquiteto Nivaldo Vitorino, responsável pela concepção arquitetônica do projeto inicial apresentado pela empresa.

Segundo Frank Aguiar, as áreas para implantação do Centro de Tradições Nordestinas estão sendo analisadas pela Administração e se localizam em pontos estratégicos do município, com fácil acesso para a Rodovia Anchieta, litoral santista, capital paulista e cidades vizinhas.

“Trata-se de uma das promessas da campanha e queremos implantar esse complexo ainda nesta gestão.

O centro se destinará a abrigar principalmente as manifestações da cultura nordestina, mas também será aberto a expressões de outras regiões do Brasil, numa espécie de intercâmbio turístico e cultural entre todos os estados do nosso País”, sublinha.

O projeto inicial prevê museu voltado à preservação da memória, educação patrimonial e divulgação da geografia, história, cultura e arte do Nordeste por meio de fotos, cartografias, maquetes e cenários; restaurantes com as especialidades culinárias; lojas de artesanato para divulgar produções de cada região; Cine Glauber Rocha, voltado à divulgação da produção cinematográfica com a temática nordestina; oficinas para aprendizagem de artes, como o cordel; área de prestação de serviços; lojas de ervas e alimentos; e espaço para música, teatro e dança.

Está previsto ainda um Centro de Convenções, estacionamento, tenda com 5 mil m² com capacidade para 10 mil visitantes para sediar festivais temáticos, camarotes, camarins e sala de imprensa, além de espaço para shows, peças de teatro e espetáculos de dança para artistas profissionais, cuja bilheteria será revertida à manutenção do CTN.

De acordo com o prefeito em exercício, a ideia é buscar parcerias, patrocínios e apoio para fomentar os negócios gerados no complexo em áreas como a praça de alimentação por estado representado, museu e espaço CTN.

Frank Aguiar reforça a importância da iniciativa devido à grande representatividade da população nordestina no Grande ABC.

Os nordestinos representam 20% da população, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

São cerca de 500 mil pessoas de origem nordestina e os maiores índices, proporcionais, figuram em Diadema e Mauá.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações do Repórter Diário