Frank Aguiar defende investigação, mas teme pelo fechamento do Ecad

PTB Notícias 16/08/2011, 17:08


Apesar de se sentir “órfão” ao ser representado em seus direitos autorais pelo Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), o cantor e compositor Frank Aguiar (PTB-SP), que é vice-prefeito de São Bernardo do Campo (SP), fez um apelo à CPI do Ecad no sentido de focar apenas na investigação das denúncias contra a entidade.

Ele manifestou o temor de que a atuação da CPI possa resultar no fechamento do Ecad, a única estrutura de arrecadação de direito autoral existente no país.

Frank Aguiar foi presidente da Associação dos Compositores e Intérpretes Musicais do Brasil (Acimbra) – hoje extinta – e chamou os artistas a conhecerem mais da gestão de direito autoral.

Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações da Agência Senado