Galindo garante custeio do passe livre e o direito dos servidores da Sanec

PTB Notícias 28/07/2011, 14:12


Cerca de 200 manifestantes realizaram na manhã dessa última quarta-feira ,27/07/2011, em frente a sede da Prefeitura de Cuiabá (Palácio Alencastro), uma manifestação popular para reivindicar que a concessão da Sanecap não seja votada novamente e que o passe-livre não seja abolido na Capital.

De acordo com o prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), que é o único com competência legal para propor o fim do benefício, o passe livre será mantido durante a sua gestão.

“A manutenção do passe livre na capital está garantida”, afirmou o prefeito.

Galindo esclareceu que a abolição do passe livre não passa de boato.

“Eu nunca falei em acabar com o passe livre”, afirmou o prefeito.

Quanto à criação da Agência de Regulação de Serviço de Água e Esgoto, que estabelece a possibilidade de realizar a concessão dos serviços de água e esgoto, o prefeito explicou que isto não representa uma privatização da Sanecap, mesmo porque esta possibilidade é proibida pela Constituição Federal.

“Não estamos discutindo privatização que é proibida por Lei, estamos falando de uma concessão”.

Chico Galindo afirmou que todos os direitos dos servidores da Sanecap estarão garantidos em Lei, caso seja aprovada a concessão dos serviços de água e esgoto em Cuiabá.

“Nós não abriremos mão de que sejam garantidos todos os direitos trabalhistas dos servidores” afirmou Galindo.

Agência Trabalhista de Notícias, (IS) com informações da prefeitura de Cuiabá