Gim e Araújo participam de inauguração da nova sede para mídia alternativa

PTB Notícias 21/11/2011, 10:41


O líder do PTB no Senado, Gim Argello (DF), e o deputado distrital licenciado e Secretário de Ciência e Tecnologia do Distrito Federal, o petebista Cristiano Araújo, participaram na última sexta-feira (18/11/2011) da inauguração da nova sede da Associação de Veículos de Comunicação Comunitária do Distrito Federal (AVESCOM).

A confraternização reuniu jornalistas, fotógrafos e representantes de quase quarenta jornais comunitários do DF.

Gim, que também é vice-líder do governo no Senado, é um dos maiores defensores da categoria e foi o grande responsável pela viabilização da nova sede, em Taguatinga.

“Hoje temos um motivo de alegria.

Essa associação é forte, é séria, e eu estarei sempre pronto a ajudar”, disse o parlamentar petebista.

Presidente-fundador da AVESCOM, Edvaldo Brito disse que agora “com a categoria realmente organizada, os jornais comunitários vão ter ainda mais representatividade e condições de prestar um serviço cada vez melhor para a população”.

Ele também é responsável pela Folha da Comunidade, que os moradores de Taguatinga recebem gratuitamente em suas residências.

O jornalista Wílon Wander Lopes festejou duas vezes.

Além da inauguração da nova sede da associação, ele comemorou seu aniversário de 67 anos, 45 deles dedicados ao jornalismo comunitário e ao Jornal Satélite, fundado por ele em 1966.

“A união dos veículos de comunicação alternativos é muito importante.

Na medida em que eles se organizam, eles têm mais força para buscar parcerias, a oportunidade de trocar experiências… E o resultado disso é um produto de mais qualidade para a população”, defendeu Wílon.

Em seu discurso, Gim Argello parabenizou os representantes dos jornais comunitários pela conquista e reafirmou seu compromisso com a categoria.

Segundo o senador, ao contrário do que parece, o papel das mídias alternativas não é antagônico ao dos grandes jornais.

“Eles se complementam.

Os jornais comunitários vão além dos limites a que geralmente chegam os nacionais.

Elem informam à população o que está acontecendo ali do lado, na esquina, na comunidade onde ele vive.

E isso é tão importante quanto o que está acontecendo no país”, disse Gim.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do site do senador Gim Argello (PTB-DF)Foto: Ariel Costa/Site do senador Gim Argello (PTB-DF)