Grupo de trabalho do PTB debate panorama dos estados e critérios de índice de desenvolvimento

Felipe Menezes 10/10/2019, 15:54


Imagem Crédito: Felipe Menezes/PTB Nacional

O grupo de trabalho do PTB com vistas às eleições municipais de 2020 e nacionais de 2022 se reuniu nesta quarta-feira (9) na sede do Diretório Nacional do partido, em Brasília. A reunião foi conduzida pelo vice-presidente e presidente do PTB da Bahia, Benito Gama, e pelo secretário do colegiado e presidente do PTB do Paraná, Alex Canziani.

Durante o encontro, os coordenadores regionais apresentaram um primeiro panorama sobre a situação e as metas eleitorais dos estados pelos quais são responsáveis. A função do coordenador é interagir diretamente com os presidentes estaduais do PTB de sua respectiva região e acompanhar a evolução do trabalho proposto por cada Estado.

Na oportunidade, o primeiro-secretário-geral do partido, Norberto Martins, detalhou dados prévios da Região Sudeste. Já o presidente da Fundação Ivete Vargas (FIV) e do PTB de Mato Grosso, Francisco Galindo, expôs informações da Região Centro-Oeste.

Devido à intensa agenda de atividades na Câmara dos Deputados, Maurício Dziedricki (RS), Paulo Bengtson (PA) e Wilson Santiago (PB), respectivamente coordenadores das regiões Sul, Norte e Nordeste, não puderem comparecer à reunião. O colegiado definiu que os três parlamentares deverão mostrar seus relatórios em um futuro encontro.

IDP

O grupo de trabalho também debateu sobre o Índice de Desenvolvimento do PTB (IDP). Na ocasião, Cristiane Brasil apresentou propostas no intuito de agregar e fundamentar os critérios da iniciativa, que tem por finalidade avaliar a situação da legenda nas 27 unidades de Federação com base em parâmetros de estrutura partidária e votação, por exemplo.

Além disso, a coordenadora do IDP propôs o desenvolvimento e a implementação de um sistema de alimentação de dados e extração de relatórios e planilhas.