Henrique Arantes quer implementar cidadania digital nas escolas de Goiás

Agência Trabalhista de Notícias 4/09/2019, 8:16


Imagem Crédito: Y. Maeda/Alego

O deputado estadual Henrique Arantes (PTB) apresentou projeto de lei que visa instituir a Política de Educação Digital, intitulada cidadania digital, nas escolas de Goiás. A matéria tem o objetivo de adquirir uma tecnologia educacional capaz de garantir a filtragem adequada da internet dentro e fora das escolas. Entende-se como cidadania digital o comportamento adequado, responsável e saudável relacionado ao uso da tecnologia, incluindo alfabetização, ética e segurança.

De acordo com a proposta, o cidadania digital deverá ser executado em articulação com outros programas “apoiados técnica ou financeiramente pelo governo”. O parlamentar justificou a medida dizendo que a internet é indiscutivelmente um dos avanços mais significativos da modernidade e pode abrir portas para inúmeras oportunidades, “inclusive para o compartilhamento de informações, a produção de conteúdo e a construção de conhecimento, a comunicação, o lazer e o entretenimento”.

“No passado recente, ficava-se horas em uma biblioteca para fazer uma pesquisa simples. Agora, com alguns cliques, em segundos, tudo está ao alcance. Os educadores têm hoje incontáveis fontes de consulta e aprendizagem para aprimorar a forma e o conteúdo de suas aulas. Seus alunos, atualmente, têm acesso a um mundo de conhecimento na palma da mão, o que fornece um potencial imenso para o uso da tecnologia no contexto escolar”, destaca Arantes.

“A alfabetização digital refere-se à influência no uso e segurança de ferramentas digitais interativas e redes pesquisáveis. Isso inclui a capacidade de usar ferramentas digitais com segurança e eficácia para aprender, colaborar e produzir”, conclui.

Com informações da Assembleia Legislativa de Goiás