Heroilma Soares pede criação de Central de Intérpretes de Libras em SP

PTB Notícias 27/10/2014, 17:42


A deputada Heroilma Soares (PTB) apresentou recentemente o projeto de lei 948/2014, que dispõe sobre a criação de uma Central de Intérpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras) em São Paulo.

O projeto está em tramitação na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa do Estado.

Em seu pedido, Heroilma solicita ao Estado a criação de unidade de Central de Intérpretes de Libras destinado aos surdos e surdocegos, com o objetivo de atender à comunidade com essas modalidades de deficiência, facilitando na comunicação com os mais diversos segmentos e nos serviços públicos estaduais, minimizando a dificuldade em obter informações e tirar dúvidas sobre serviços oferecidos.

A deputada afirma ainda que a prestação desse serviço público proporcionará o oferecimento de profissionais qualificados, intérpretes e guias-intérpretes, além de equipamentos próprios para atender e interpretar libras, que é uma linguagem específica para surdos e surdocegos.

O projeto diz também que as unidades deverão ser implantadas nos serviços públicos estaduais, priorizando unidades de Saúde, Poupatempo, Centro de Integração da Cidadania (CIC), Acessa São Paulo, Restaurante Bom Prato, Metrô, e em outras políticas públicas que aglomeram grande número de público.

Por fim, em sua justificativa a parlamentar petebista salienta que o projeto visa facilitar a vida destas pessoas e que o centro possibilitará uma melhor qualidade de vida a estes cidadãos no Estado, promovendo um alcance social e a adequada inclusão.

“A acessibilidade na comunicação é um direito da pessoa com deficiência auditiva e conjunta/auditiva e cegueira, por isso deve ser uma prioridade do poder público”, salientou Heroilma.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria da deputada Heroilma Soares (PTB-SP)Foto: José Antônio Teixeira/Alesp