Hildo do Candango quer maior controle na fabricação de explosivos

PTB Notícias 19/10/2011, 16:07


O deputado estadual Hildo do Candango, do PTB de Goiás, apresentou projeto que obriga fabricantes e importadores de material explosivo a adotarem mecanismos de identificação das dinamites mesmo depois da detonação do artefato.

Pela proposta, a identificação será feita na forma da Legislação Federal.

Quem descumprir a determinação ficará sujeito ao pagamento de multa de 1 000 mil a 10 000 mil Unidades Fiscais de Goiás, e o valor arrecadado será revertido para o Fundo Estadual de Segurança Pública de Goiás-Funesp.

O parlamentar defende a criação da Lei levando em consideração a grande incidência na utilização de material explosivo pelos criminosos.

Atualmente, dinamites têm sido utilizadas na explosão de caixas eletrônicos e assaltos a bancos.

“Com o sistema de identificação será possível saber de onde partiu esse material, para quem a dinamite foi vendida, e possivelmente como foi parar nas mãos dos bandidos”, disse o petebista.

Para Candango, a Lei ajuda a polícia em uma linha de investigação e até na localização dos criminosos em caso de roubo com uso de explosivos.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do portal da Assembleia Legislativa de Goiás