Ione Sobral participa de solenidade do 179º aniversário de Laranjeiras

PTB Notícias 9/08/2011, 7:38


Com a presença da prefeita Ione Sobral (PTB), o município de Laranjeiras (SE) deu início às comemorações de seus 179 anos no último domingo (7/8), com o hasteamento das bandeiras.

A solenidade aconteceu na Praça das Bandeiras e contou com a participação de estudantes da rede municipal de ensino, secretários municipais, políticos, servidores públicos e a população em geral, que demonstraram seu amor à cidade, conhecida pelo seu rico patrimônio cultural e histórico.

As bandeiras foram hasteadas pela prefeita, pela vereadora Brasilina Borges e pelo secretário municipal de Educação e do Desporto, Geraldo Vieira da Silva, ao som do Hino Nacional, executado pela Filarmônica Municipal Sagrado Coração de Jesus.

A Banda de Fanfarra e a Banda Marcial da Escola Municipal Lourival Baptista também participaram da solenidade cívica.

Após o Hino Nacional, a Filarmônica executou o Hino de Laranjeiras.

“Esta é uma data muito importante para toda a população de Laranjeiras, pois a partir da emancipação, nosso município se desenvolveu e até chegou a ser cogitado como capital de Sergipe, e hoje é Patrimônio Histórico Nacional pela sua riqueza arquitetônica, cultural e histórica”, destacou a prefeita Ione Sobral.

Para quem nasceu ou mora no município, Laranjeiras tem peculiaridades características de uma cidade extremamente rica em cultura e histórica.

“É um município com um enorme potencial, berço esplêndido da cultura sergipana e que já apresentou grandes artistas da cultura popular para o Brasil, como João Sapateiro, Dona Lalinha.

É um orgulho poder morar em Laranjeiras”, afirma o professor Manoel Campos, que já escreveu um livro sobre a história do município.

Para o jovem Joselito de Jesus Franco, filho do poeta João Sapateiro, Laranjeiras é um grande museu a céu aberto.

“Laranjeiras vive e respira cultura, tanto que é considerada como a “Atenas de Sergipe”.

Como moradores, temos a obrigação de manter toda essa riqueza viva para que novas gerações possam desfrutá-la dela no futuro”, diz Joselito.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do Portal Faxaju