Jaqueline Silva lança Frente Parlamentar das Compras Governamentais

Agência Trabalhista de Notícias 10/12/2019, 9:08


Imagem Crédito: Moacir Evangelista/Sistema Fibra

A Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra) realizou na quarta-feira (4) um encontro para discutir a importância das compras governamentais na economia brasiliense. O seminário reuniu representantes dos governos federal e local, além do setor produtivo. O evento teve o apoio da Câmara Legislativa e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) no DF.

No encontro foi lançada a Frente Parlamentar das Compras Governamentais como Fomento à Economia, de iniciativa da deputada distrital Jaqueline Silva (PTB). A intenção é estimular a economia local a partir das aquisições realizadas pela administração pública e debater políticas públicas para o desenvolvimento do setor industrial.

“Um dos principais objetivos da frente é oportunizar a criação de empregos por meio das compras governamentais. Essa é a maior demanda da população e precisamos fomentar o crescimento da indústria”, afirmou a parlamentar. “A frente é o pontapé desse trabalho conjunto do governo e do setor produtivo”, complementou.

“Quando a produção e a compra ocorrem dentro da capital federal, consequentemente há o recolhimento de impostos e a geração de empregos para a cidade, ou seja, estamos produzindo riquezas”, disse o presidente da Fibra, Jamal Jorge Bittar, na abertura do seminário. Ele destacou que, para atender à Lei nº 8.666/1993, que trata de licitações e contratos da administração pública, é preciso ser criativo e inovar. “Nossos produtos são de qualidade e a nossa mão de obra é qualificada. Temos potencial para atender às demandas do setor público e, assim, contribuir para o desenvolvimento econômico.”

O presidente da Câmara Legislativa, deputado Rafael Prudente (MDB), compôs a mesa de abertura e afirmou que o órgão vem trabalhando para estimular a competitividade da indústria do DF. “A transferência da Junta Comercial do DF para a administração local e a reformulação do Pró-DF são exemplos de ações pautadas na Câmara para dar segurança jurídica aos empresários e possibilitar novos investimentos. Ao lado da Fibra, nosso objetivo é promover o protagonismo do setor privado e descentralizar a economia do setor público”, afirmou o deputado.

Com informações do Sistema Fibra