João Vicente Claudino confirma candidatura ao governo do Piauí em 2010

PTB Notícias 20/04/2009, 7:16


O senador João Vicente Claudino (PTB) confirmou sua candidatura a governador do Piauí em 2010.

Ele disse que agora entra num ritmo normal de discussão sobre sucessão no Piauí.

João Vicente considera que as coisas estavam muito açodadas e o momento é de crise, onde não estamos imunes aos efeitos dela nos recursos públicos, principalmente nas contas municipais.

O senador disse que em questão eleitoral, é uma pauta normal de se discutir.

O cenário do Piauí terá dois candidatos, das coligações que aglutinam os candidatos mais fortes, pode ter outros candidatos de outras correntes políticas.

Um que representa a estrutura de governo a partir de abril do ano que vem e outro que vai representar as forças antagônicas a esta estrutura.

“Tenho bom relacionamento com vários deles.

Minha relação com o prefeito Silvio Mendes é clara e transparente.

Somos coligados desde 2004.

O PTB tem ajudado Teresina”, assinalou o senador.

João Vicente disse que sempre teve uma posição muito clara.

Ele disse que conversou com o governador, quando foi o único partido da base do governo, que não apoiou o candidato da base para prefeitura.

“Tínhamos um compromisso assumido e não podíamos romper isso, por palavra empenhada.

A mesma conduta que o PTB tem, vamos manter”, comentou.

O senador disse que as alianças a serem construídas dependem de muita coisa.

Ele acredita que Wellington Dias será candidato ao Senado e o Piauí terá um novo governo.

João Vicente tem convicção que o governador será candidato a senador em 2010.

Ele disse que tem uma postura política clara e que este posicionamento é claro.

“Não pedem minha presença em eventos políticos como se fosse uma presença escola, como se houvesse a obrigatoriedade.

Coloquei que os eventos que não tivessem conflito de agenda, estaria presente.

Somos senador independente disso e damos apoio ao Governo.

Somos vice-líder do Governo no Senado, somos segundo secretario da Mesa do Senado e agora estamos recebendo a relatoria do Orçamento do Ministério da Saúde que é um terço do Orçamento Federal”, finalizou o senador.

* Agencia Trabalhista de Notícias com informações do Diário do Povo