João Vicente Claudino denuncia ‘grampo’ a parlamentares em Brasília

PTB Notícias 10/03/2009, 18:30


O senador João Vicente Claudino afirmou que os senadores estão grampeados e as conversa estão restritas ao telefone celular.

Segundo ele, o celular serve apenas para marcar reuniões.

João Vicente disse que por conta disso está sendo reaberta a CPI dos Grampos e será necessário criar uma Lei da Escuta Telefônica.

Os parlamentares acham que toda a bancada do Piauí está grampeada.

“Eu acho que sou grampeado e, como eu, tem vários outros senadores que acham o mesmo”, adiantou.

Ele frisou que os senadores são escutados de forma ilegal, porque não há autorização judicial para isso.

“O uso do telefone tem que ser cuidadoso”, completou o senador.

João Vicente comentou que o Senado já criou a Lei da Internet e vai ter que reabrir a Comissão Parlamentar de Inquérito que trata dos grampos telefônicos.

Ele atribuiu a medida a setores da Polícia Federal e da Polícia Civil que escutam autoridades sem autorização prévia da Justiça.

Para ele, os fatos devem ser apurados, com abertura de uma investigação para apurar quem faz grampo ilegal.

Até porque, segundo o senador, estas escutas telefônicas não têm nenhuma validade jurídica, porque não têm autorização.

“Aliás, isso é crime e é grave.

Escuta pode ser feita, mas de forma legal”, acrescentou João Vicente.

fonte: jornal Diário do Povo (PI)