João Vicente Claudino homenageia no Senado médico Antonio Carlos Lopes

PTB Notícias 7/03/2008, 7:53


O professor titular de Clínica Médica da Escola Paulista de Medicina e presidente da Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Antonio Carlos Lopes, recebeu, nesta quinta-feira (6), homenagem do senador João Vicente Claudino (PTB-PI).

O parlamentar explicou que essa era uma forma de reconhecimento e gratidão por toda a trajetória de Lopes, especialmente por sua “relevante contribuição para a melhoria das condições de saúde e da ética na Medicina”.

Dentre outros cargos, Lopes foi membro do Conselho Deliberativo da Associação Médica Brasileira, diretor do Departamento de Residência Médica e Projetos Especiais na Saúde da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação e secretário-executivo da Comissão Nacional de Residência Médica do Ministério da Educação.

Segundo o senador pelo Piauí, Lopes exerceu, nesta última função, papel fundamental no processo de mudança na seleção dos candidatos a programas de residência médica no país.

– Sua trajetória foi marcada por ações que visavam humanizar a formação do médico e a assistência prestada aos pacientes, por intermédio de um ensino conseqüente e que levava em consideração a importância social da Medicina – avaliou o parlamentar.

Piauí Em seu pronunciamento, o parlamentar do PTB também se referiu à visita que fez à região de São João do Piauí, no semi-árido piauiense.

Ali, o projeto de assentamento Marrecas propicia a irrigação de plantações de frutas.

Embora tenha sido planejado para irrigar mil hectares com água subterrânea, o assentamento só tem irrigada, hoje, uma área de 20 hectares.

João Vicente Claudino informou não haver gasto de energia elétrica no Marrecas, pois o poço jorra naturalmente.

Na seqüência, o parlamentar visitou, na cidade de Capitão Gervásio, o projeto de níquel da Vale do Rio Doce, do qual se espera que traga grande desenvolvimento econômico para aquela região.

O senador pelo Piauí destacou igualmente a criação da diocese de Oeiras pelo desmembramento da diocese de Oeira-Floriano.

Segundo explicou, esse era um antigo anseio da comunidade católica daquela cidade.

fonte: Agência Senado