João Vicente Claudino propõe implantação de novas ZPEs no Piauí

PTB Notícias 2/07/2007, 9:46


Floriano e Picos, duas das principais cidades do interior do Piauí foram lembradas pelo senador João Vicente Claudino pela sua capacidade produtiva e necessidade de expansão de seus negócios.

Um projeto de lei apresentado pelo senador petebista à Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal contempla os dois municípios com a criação de uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

As Zonas de Processamento de Exportação são áreas de livre comércio destinadas à instalação de empresas voltadas à produção de bens a serem comercializados exclusivamente com o exterior.

São criadas em regiões menos desenvolvidas com vistas a reduzir os desequilíbrios regionais, fortalecer o balanço de pagamentos e promover a difusão tecnológica e o desenvolvimento econômico e social do País.

De acordo com o Senador João Vicente Claudino, países como China, México e Estados Unidos têm conseguido vultoso êxito com a criação de ZPEs em seus Estados.

Segundo estudo da International Labour Organization (ILO), de 2002, existem 3 mil distritos do tipo ZPE em funcionamento no mundo, que geram empregos para mais de 37 milhões de pessoas em 116 países.

Só na China, trabalham nas “zonas econômicas especiais” mais de 30 milhões de pessoas.

Tais zonas constituem o principal fator responsável pelo crescimento médio anual da economia chinesa acima de 10%, nos últimos 15 anos.

A cidade de Picos, distante 306 km da capital, está situada em uma região rica em riquezas minerais, tais como calcário, mármore, caulin, argila refratária, tabatinga, granito e outros minerais.

Além disso, é o principal produtor de castanha de caju do País, apesar do Piauí não ser o maior Estado exportador.

É o maior produtor nacional de mel, além de possuir um avançado Centro Tecnológico para a padronização de todo o mel fabricado na região.

É a 2ª região fiscal do Piauí que mais arrecada tributos, perdendo apenas para a Grande Teresina.

Já o município de Floriano, localizado a 244 km da capital, exerce influência sobre quase trinta municípios maranhenses e piauienses, sendo o único município, além da Capital, a ter menos de 20% da população analfabeta.

É a 3ª região fiscal do Piauí que mais arrecada tributos, perdendo apenas para a Grande Teresina e a Grande Picos.

Floriano já se apresenta como Pólo da Indústria Farmacêutica, Pólo da Indústria de Confecções e foi pioneira na implantação de um Pólo da Indústria de Bioenergia, inaugurado pelo próprio Presidente Lula em 2005.

Além disso, possui grande potencial para implantação de um Pólo de Indústrias de Alimentos, pela proximidade da Região produtora do cerrado piauiense.

A criação de ZPEs nos municípios de Picos e Floriano representará um estímulo importante para o desenvolvimento da economia não só dos municípios em si, mas para o Estado como um todo, com o aproveitamento das potencialidades locais dessas regiões.

João Vicente Claudino declara, em seu projeto, que a localização favorável de ambas as cidades estimula a instalação de novas empresas, o que acarretaria a geração de empregos e renda, indispensáveis para garantir a melhoria das condições de vida da população local.

“Como há uma corrente no Senado partindo também para que essas zonas tornem-se especificas em determinados segmentos; nós temos como explorar nosso principais potenciais de forma especifica também, tendo Picos com a exploração do mel, da castanha de caju, da atividade mineral com as várias composições geológicas daquela região; e Floriano com a bioenergia, a industria farmacêutica, tem os cerrados e seus alimentos.

Acredito que, como acontece hoje no Senado e com o argumento de que essas ZPEs tem um avanço muito grande e vem para contribuir com o desenvolvimento do pais com a geração de emprego e renda, nós vamos lutar para a instalação não só da ZPE de Parnaíba, mas a de Picos e Floriano”, declarou confiante o Senador João Vicente Claudino, presidente do Diretório Estadual do PTB do Piauí.

fonte: site Piauí Hoje