João Vicente diz que estão querendo empurrar PTB para a oposição no Piauí

PTB Notícias 13/01/2009, 12:44


Em entrevista concedida ao Jornal Verdes Campos Segunda Edição, da TV Canal 13 do Piauí, o senador pelo PTB do Piauí, João Vicente Claudino avaliou o partido nas eleições municipais de 2008.

Segundo o parlamentar e presidente estadual da sigla, o PTB fez 73 prefeitos e agora deve ser preparado para um “salto maior”.

Segundo João Vicente Claudino, após a eleição a legenda se consolidou como a mais forte do Piauí: “Preparamos o partido para alavancar, e o partido se consolidou.

Isso nos remete a uma responsabilidade muito grande.

Temos que preparar esse partido para um salto”, disse.

João Vicente, explica que a consolidação do PTB no Piauí dá força para a discussão da eleição em 2010: “Isso nos coloca dentro da discussão do cenário de 2010 com altivez, com lideranças e com prestígio de um trabalho consolidado no Estado”, disse.

“Não estou afastado do governo”O Senador negou rumores de que estaria afastado da base do governo.

Segundo o petebista, o partido está com o governador Wellington Dias desde 2002 e o que há são vozes destoantes: “De maneira alguma estamos afastados, estivemos com governo desde 2002 participamos do seu governo.

Somos o único senador da base do Presidente Lula”, disse.

Sobre as pré-candidaturas ao Governo do Estado que estão sendo trabalhadas pelos partidos, JVC acredita que é natural que os partidos da base governista lancem nomes para suceder Wellington Dias e que a decisão final é o sentimento do povo pelo nome que deve ser escolhido: “Se depender de mim, do PTB vamos marchar junto com os partidos da base”, disse.

Apoio a Sílvio Mendes em 2008 e 2010Claudino afirmou que a aliança com o PSDB para a eleição em Teresina não sigficou rompimento com o Governo do Estado, o que houve foi uma renovação de aliança feita na eleição de 2004: “Não mudei de opinião ou de lado.

Honramos os compromissos que fizemos com o prefeito Sílvio Mendes e com Elmano Férrer”.

O líder do PTB avaliou Sílvio Mendes como um “grande nome e liderança política” para as eleições em 2010 para reunir as oposições.

Sobre a possibilidade ou não de uma aliança com os oposicionistas, João Vicente diz que é preciso discernimento: “Muita gente quer empurrar o PTB para oposição, mas se vai para oposição de duas maneiras: por opção ou por conjuntura política.

Temos que ter maturidade política para ter o discernimento necessário não só para aglutinar as forças políticas, mas para um grande projeto para a população”, finalizou.

fonte: TV Canal 13