Jornal de Brasília: Gim assume certo de que nada o desabona

PTB Notícias 1/08/2007, 13:35


Leia abaixo matéria publicada no Jornal de Brasília, nesta quarta-feira, 01º de agosto:Gim assume certo de que nada o desabonaO senador Gim Argello (PTB-DF) começa hoje a exercer o mandato de senador tendo de se defender de uma série de denúncias para as quais não há qualquer espécie de comprovação.

E deixou claro que não vai preparar uma estratégia e defesa “porque quem não deve não teme”.

“Eu sou inocente, não devo nada”, garantiu.

O senador está na mira do Ministério Público desde 1999, quando passou a ser acusado de, com a ajuda de servidores do governo e donos de postos de gasolina, chefiar um esquema para aprovar o uso de áreas públicas de Brasília pela iniciativa privada.

“Não tenho nenhum processo, não fui condenado em absolutamente nada.

Essas acusações me acompanham desde 2002, só que eu nunca fui julgado nem na primeira instância”, salientou.

Gim tomou posse na véspera do recesso, que termina hoje.

Na ocasião, o líder do PSDB, senador Arthur Virgílio Neto (AM), cobrou explicações das denúncias que pesam contra ele.

No mesmo dia, o PSOL protocolou uma representação pedindo a cassação de seu mandato por quebra de decoro parlamentar.

O gabinete de Gim recebe os últimos reparos para abrigá-lo.

A exemplo dos demais senadores, ele pode preencher 11 cobiçados cargos de confiança.

As cinco vagas de assessores têm salário de R$ 9 mil.

As outras seis, de secretários técnicos, têm remuneração de R$ 7 5 mil.