José Chaves anuncia que Pernambuco receberá III Nordeste Invest

PTB Notícias 9/09/2007, 8:12


O mais importante evento de investimentos turísticos e imobiliários do Brasil, o III Nordeste Invest 2008, será realizado em Pernambuco entre os dias 14 e 16 de maio, no Centro de Convenções.

A feira, que este ano aconteceu em Salvador, movimentou R$ 2,1 bilhão durante as rodadas de negócios.

A vinda do Nordeste Invest é o resultado de uma articulação que envolveu a Secretaria Estadual de Turismo (Setur), a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi) e a Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Nordeste (Adit).

“É uma conquista da maior importância, que reforça a imagem de Pernambuco como o grande centro para o turismo de negócios da região.

A vinda de um evento deste porte mostra que estamos inaugurando um novo tempo na gestão pública do turismo estadual”, afirmou o secretário de Turismo, José Chaves, do PTB pernambucano, que conduziu pessoalmente as negociações.

A expectativa dos organizadores da versão 2008 é superar a marca atingida este ano, quando mais de mil executivos de aproximadamente 800 empresas, 80% estrangeiras, estiveram presentes incluindo grandes conglomerados como Vila Gallé, Pestana, Fernando Barata e Luna Hotéis (Portugal), E-quity, Experience International e Some Place Else (Inglaterra), Crest Homes/ FMS Consultants, Inversiones Financieras Fortuny e Adapta Consultores (Espanha).

“Esperamos ter 1.

500 participantes no evento do ano que vem.

É uma feira que tem grande potencial para a geração de negócios, especialmente na atração de bandeiras internacionais e imóveis de segunda residência.

Pernambuco desponta como um mercado promissor para estes investimentos”, acredita o presidente da Ademi, Eduardo Carvalho.

O número de estandes também será ampliado em mais de 50%, passando dos 42 que estiveram em Salvador para 70.

O vice-presidente da Adit-PE, José Antônio Lucas Símon, aposta que o Nordeste Invest pode consolidar a participação de Pernambuco em novos mercados internacionais, como o da Inglaterra.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações do Governo de Pernambuco)