José Geraldo apresenta projeto para beneficiar portadores de deficiência

PTB Notícias 5/06/2007, 12:20


O presidente do PTB de Tocantins, deputado estadual José Geraldo, apresentou na sessão desta terça-feira (05/06), um projeto de lei sobre a melhoria de condições do transporte coletivo para os portadores de deficiência física.

De acordo com o parlamentar o principal objetivo desta lei é preservar a dignidade dos deficientes físicos aos constrangimentos sofridos no sistema de transporte estadual.

“Temos que oferecer aos portadores de deficiência física condições tanto para que possam se locomover dentro das rodoviárias, quanto para adentrar com sua cadeira de rodas nos ônibus de transporte urbano.

Também temos que assegurar o direito desses cidadãos em poder fazer uso dos banheiros dentro dos veículos em viagens longas” defendeu José Geraldo.

Segundo o projeto, as empresas que exploram os transportes coletivos, municipais e intermunicipais terão que adaptar 5% (cinco por cento) dos veículos de suas frotas para o acesso adequado de deficientes físicos.

Quanto ao transporte intermunicipal fica determinada à adequação dos banheiros para o uso dos portadores de necessidades especiais.

O parlamentar destacou, ainda, que as Estações Rodoviárias Estaduais e Municipais serão responsáveis em manter, gratuitamente, cadeiras de rodas à disposição de deficientes físicos ou de pessoas circunstancialmente necessitadas do uso deste equipamento.

“Nosso projeto é uma resposta rápida e emergencial as solicitações de todos os portadores de deficiência física, especialmente, ao pedido feito na última Assembléia Participativa pelo presidente da Associação de Deficientes físicos de Paraíso, Paulo Nascimento” afirmou o deputado.

O petebista também usou a tribuna para expressar a satisfação com o sucesso da Assembléia participativa: a Voz e a Vez do Cidadão, na edição de Paraíso.

“Fiquei muito feliz em ter presenciado lá a participação maciça daquela comunidade, principalmente, dos líderes de todos os segmentos classistas da região, sindicatos, cooperativas, associações, Apae’s, Ligas de Combate ao Câncer e tantas outras entidades presentes e que culminou com a maior apresentação de sugestões do projeto”.

De acordo com o presidente, o programa serve como um grande instrumento do parlamento, para se fazer presente em todas as regiões do Estado: “É com essas sugestões coletadas que vamos contribuir de uma forma efetiva, na formação do orçamento 2008, no plano plurianual e nas políticas públicas que necessitamos”.

Agência Trabalhista de Notícias