José Múcio é eleito pelo DIAP o segundo parlamentar mais influente

PTB Notícias 31/08/2007, 10:28


O DIAP (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) acaba de concluir a pesquisa que identifica os dez parlamentares mais influentes do Congresso Nacional, segundo opinião dos próprios deputados e senadores.

Todos os anos, após divulgar a lista dos 100 “Cabeças” do Congresso, o DIAP faz a pesquisa para a escolha dos dez parlamentares que integram a elite do Legislativo.

Dos 100, 88 responderam à enquete do DIAP, e indicaram o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia, como o parlamentar mais influente do Congresso, com 56 votos.

O Líder do Governo na Câmara, deputado José Múcio Monteiro, do PTB de Pernambuco, recebeu 39 votos e foi considerado por seus pares o segundo parlamentar mais influente.

José Múcio ficou à frente do líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (38 votos); do ex-presidente da República, senador José Sarney (34 votos); do deputado Ciro Gomes (27 votos); do líder do DEM no Senado, José Agripino (27 votos); do líder do DEM na Câmara, Antônio Carlos Pannunzio (26 votos); do presidente do PSDB, senador Tasso Jereissati (21 votos); do deputado Henrique Fontana (20 votos); e do líder do DEM na Câmara, deputado Onyx Lorenzoni (com 20 votos).

O deputado José Múcio Monteiro está em seu quarto mandato na Câmara.

Atual Líder do Governo, já pertenceu aos grupos políticos de Marco Maciel e Roberto Magalhães.

Experiente na vida pública, foi prefeito de Rio Formoso (1992-93) e secretário de Transportes, Comunicação e Energia do Governo Roberto Magalhães (1983-86) em Pernambuco, além de presidente da Companhia de Eletricidade de Pernambuco (1983).

Defensor da economia de mercado, foi relator do projeto de flexibilização da CLT, foi também presidente da Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara, e Líder do PTB de 2003 a 2007.

Parlamentar atuante, com boa capacidade de articulação e negociação, é um político com excelente trânsito no Congresso.

Ex-presidente nacional do PFL, destaca-se, de acordo com o DIAP, por seu perfil de articulador.

Agência Trabalhista de Notícias