Júlio Pinheiro se lança candidato do PTB à Prefeitura de Cuiabá (MT)

PTB Notícias 19/10/2011, 8:05


O PTB terá candidatura própria à Prefeitura de Cuiabá (MT) nas eleições do ano que vem.

A garantia foi dada nesta terça-feira, 18/10, pelo presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Júlio Pinheiro (PTB), que colocou seu nome à disposição, caso o prefeito Chico Galindo mantenha a decisão de não disputar o pleito para ser candidato a Deputado Estadual em 2014.

“Sou candidato.

Estou com o meu nome a disposição do partido e tenho certeza que posso vencer esta eleição”.

A declaração de Júlio Pinheiro mostra bem o seu sonho de sentar na cadeira número 1 do Palácio Alencastro.

Mas, ele faz uma ressalva: só será candidato se o prefeito Chico Galindo confirmar mesmo que não pretende entrar na disputa.

“A vaga é dele.

Já é o prefeito e tem todo o direito de disputar a reeleição.

Mas se ele não quiser eu estou à disposição.

Abdico do direito de disputar a reeleição à Câmara Municipal para ser prefeito de Cuiabá”, disse.

Júlio Pinheiro admite que não tem um projeto para administrar a Capital Mato-grossense, a não ser o sonho de ser prefeito.

Mas assegura tem capacidade administrativa e condições de não apenas dar continuidade ao trabalho que vem sendo desenvolvido por Chico Galindo, como deixar a cidade pronta para receber a Copa do Mundo de 2014.

Ele lembra que já foi presidente do Mixto, tendo levado o clube a uma conquista do título estadual, após anos de amargura e campanhas bisonhas e colocado a agremiação na Terceira Divisão do futebol brasileiro, além de estar comandando a Câmara Municipal como presidente da mesa diretora.

“Engana-se quem pensa que não tenho experiência.

Estou preparado para o cargo”, anuncia.

Ao lançar seu nome à Prefeitura de Cuiabá, Pinheiro aproveitou para alfinetar o deputado estadual Aray Fonseca, que até pouco tempo era o presidente da Sanecap e deixou o partido para ingressar nas fileiras do PSD, do deputado José Geraldo Riva, presidente da Assembleia Legislativa.

“O Aray estava sendo preparado para ser o sucessor do prefeito Chico Galindo.

O PTB iria lança-lo para a disputa.

Mas, ele se acovardou, traiu o partido e foi para o PSD.

É um traíra”, completou.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do Portal 24 Horas News