Juventude do PTB do Distrito Federal promove I Seminário sobre o Futuro do Trabalho

Agência Trabalhista de Notícias 8/08/2019, 8:10


Imagem Crédito: Bruno Frauzino/Sistema Fibra

O que os próximos dez anos reservam à massa de trabalhadores que vai estar no mercado de trabalho? A pergunta norteou as discussões do I Seminário Distrital sobre o Futuro do Trabalho, na terça-feira (6). O evento foi realizado pela Juventude do PTB do Distrito Federal, com o apoio da Câmara Legislativa, onde se deu a programação.

O presidente da JPTB-DF, Danillo Ferreira, foi o mediador do encontro, que contou com a presença da presidente do PTB do Distrito Federal, deputada distrital Jaqueline Silva, e de Adalberto Imbroisi, servidor que representou a Secretaria de Estado e Fazenda, Planejamento, Orçamento e Gestão do DF.

“Emprego sempre vai ter, mas vamos precisar de pessoas cada vez mais capacitadas para ocupar essas vagas. A gente sabe que o mercado de trabalho está mudando com o avanço tecnológico”, afirmou Danillo.

Revolução industrial

O diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai-DF), Marco Secco, foi um dos palestrantes. Na ocasião, ele falou sobre o papel do Senai na formação profissional. “As novas tecnologias vão transformar o mercado de trabalho por meio da quarta revolução industrial. Pesquisas indicam que, até 2025, haverá diminuição da participação humana nos processos, de forma que metade da produção será feita por robôs. O emprego vai continuar essencial, mas novas profissões vão surgir”, explicou.

O diretor do Senai-DF destacou como a inovação e o desenvolvimento tecnológico estão transformando a indústria e de que maneira os jovens profissionais podem se adaptar e se preparar para o cenário dos próximos anos.

“Trabalhamos com a perspectiva de atender empresas de baixa, média e alta tecnologia. O Senai está pronto para ser o principal parceiro da indústria brasileira nessa trajetória e está se preparando para o novo mundo da indústria 4.0”, disse, ao reforçar que o Senai tem uma série de cursos rápidos, gratuitos e on-line sobre o tema.

Mindset digital

Já a segunda palestra da noite foi de Ivan Tonet, analista que lidera projetos de transformação digital do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Tonet falou sobre mindset digital, ou seja, como as pessoas vão usar e incorporar os recursos digitais no dia a dia.

“Os trabalhos como nós conhecemos vão acabar, por isso precisamos nos preparar agora. Dos trabalhos que existirão em 2030, 85% serão novos”, alertou.

Com informações do Sistema Fibra