JVC defende rejeição a projeto que pode prejudicar produtividade do País

PTB Notícias 19/11/2013, 18:30


A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado rejeitou três projetos de lei nesta terça-feira (19/11/2013): um que reduzia a idade para o recebimento do benefício de prestação continuada, outro que exigia coletes airbags para motociclistas, e uma proposta de conceder adicional por tempo de serviço automático para quem ganha menos de dois salários mínimos.

Esta terceira proposta foi relatada pelo senador João Vicente Claudino (PTB-PI), que apresentou parecer contrário à proposta.

O relatório de JVC aprovado pelos senadores da comissão criava um adicional por tempo de serviço para os trabalhadores que recebessem menos de dois salários mínimos.

João Vicente argumentou que o adicional poderia acabar, na verdade, prejudicando esses empregados.

“Nessa faixa de renda, o nível de qualificação é baixo, sendo que esses empregados são facilmente substituíveis.

Ao contrário do que preconiza a própria justificação da proposição, esta, se aprovada, agravará em muito o problema da rotatividade no mercado de trabalho, prejudicando fortemente a produtividade brasileira”, disse o senador petebista.

Rejeitado na CAE, o projeto do adicional por tempo de serviço para quem ganha até dois salários mínimos passará agora pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado.

Agência Trabalhista de Notícias (ELM), com informações da Rádio SenadoFoto: Pedro França/Agência Senado