Kelly Moraes avalia seis meses de implantação de sistema de segurança

PTB Notícias 29/04/2012, 13:18


Há seis meses está funcionando na cidade gaúcha de Santa Cruz do Sul o Sistema de Monitoramento Integrado (SMI), implantado pela Prefeitura de Santa Cruz do Sul em um investimento de R$ 1 milhão, com recursos do Governo Federal, através do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) e contrapartida do Município.

A Prefeita de Santa Cruz, a petebista Kelly Moraes, afirma que os resultados são positivos.

“O SMI está em processo de consolidação em Santa Cruz, além da Guarda Municipal que realiza o monitoramento durante as 24h, temos a Brigada Militar que tem o espelhamento das imagens.

Estamos trabalhando para ampliar o acesso das forças de segurança ao sistema e assim completar a cooperação que já existe para tornar nossa cidade cada vez mais segura e tranquila”, disse a Prefeita.

O Vice-Prefeito, Luiz Augusto Costa a Campis, também ressalta que as câmeras de segurança estão cumprindo seu papel fornecendo à órgãos militares e policiais material para solucionar crimes e prevenir delitos.

“Esta é uma ferramenta dinâmica e moderna.

Desde que começaram a funcionar tivemos uma diminuição de incidentes nas áreas em que estão instaladas.

Como exemplo temos a câmera que fica no trevo Bom Jesus acesso a Vera Cruz em que houve redução de 69% nas ocorrências entre outubro e março”, explicou Campis.

Ainda o Diretor Municipal para Assuntos de Segurança, Reginaldo Martins Britto de Campos, acrescenta ser muito importante que as pessoas registrem na Polícia quando vítimas de algum delito ou incidente.

“Somente os órgãos de segurança podem solicitar cópias de imagens e, para isso acontecer, é fundamental o registro do fato na Delegacia”.

Também desde que foi implantando o SMI, a Brigada Militar tem em sua sede equipamentos para acompanhar todas as imagens de todos os pontos das 20 câmeras.

Já a Polícia Civil e Federal, utiliza as imagens gravadas pela Guarda Municipal.

Segundo a Polícia Civil, todas as imagens usadas foram decisivas para o delineamento de investigações e, na maioria dos casos, as gravações por si só, determinaram o esclarecimento dos fatos.

Dentro deste processo de consolidação do SMI, a partir da próxima semana a imprensa irá receber boletins de utilidade pública informando quando identificado pelas câmeras algum problema no trânsito como acidentes, congestionamento ou lentidão, entre outros.

Crimes ou suspeitas não serão divulgados pela SMI da Prefeitura, porque podem interferir negativamente na solução dos casos.

fonte: site da Prefeitura de Santa Cruz do Sul (RS)