Landim elogia programa de regulamentação ambiental no cerrado baiano

PTB Notícias 24/08/2009, 7:54


O deputado federal Paes Landim (PTB-PI), em discurso no Plenário da Câmara, na última semana, comentou que o oeste da Bahia prepara a sua regulamentação ambiental.

Uma região que envolve 6,4 milhões de hectares, sede do instituto da Bahia, que trabalha para identificar e quitar suas pendências perante o Código Florestal, numa ampla parceria que colocou à mesa fiscais ambientais, Ministério Público, produtores, Governo Federal e terceiro setor.

“Isso é um aspecto da maior importância porque se trata de um acordo que vai salvar a vegetação nativa do cerrado baiano.

São cidades como Riachão das Neves, Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, São Desidério, Jaborandi, Correntina e Cocos.

Eu queria que todos os Estados do Brasil seguissem esse modelo.

Eu espero que o cerrado do Piauí também o faça, para salvar o nosso cerrado e evitar a desertificação anunciada para os próximos 20 anos.

Quero parabenizar esses Municípios baianos por essa iniciativa, foi uma grande vitória da causa ambientalista em nosso País”, disse o Deputado do PTB.

“Também quero me reportar à excelente iniciativa da nossa colega do Partido Socialista Brasileiro, Deputada Lídice da Mata, que provocou não só a exposição dos painéis a respeito da obra fantástica de Euclides da Cunha, Os Sertões, como também promoveu e coordenou, no auditório da TV Câmara, um excelente seminário sobre a obra do genial escritor, carioca de Cantagalo, que viveu em São Paulo e amadureceu toda a sua rica cultura exatamente em São José do Rio Pardo.

Professores ilustres da Universidade da Bahia, da Universidade de São Carlos, Marcos Vila, e, também, do Rio Grande do Norte, debruçaram-se hoje sobre a obra de Euclides da Cunha, que precisa ser mais bem editada, refletida e lida pelo povo brasileiro”, concluiu o parlamentar petebista.

* Agência Trabalhista de Notícias