Landim lamenta decisão da população paraense de não dividir o Estado

PTB Notícias 18/12/2011, 12:55


O deputado federal Paes Landim (PTB-PI), em discurso no Plenário da Câmara lamentou que a população do Pará tenha rejeitado a criação de dois Estados: Carajás e Tapajós.

“Acho que o Pará, com aquele imenso território, mereceria uma redivisão territorial, como, aliás, está a merecer o Brasil como um todo”.

O assunto suscitou sua interpretação sobre o projeto de criação do Estado da Gurgueia, com a divisão do estado do Piauí.

Landim disse que a situação geopolítica, econômica e social é muito diferente do Pará.

Na sua avaliação, o sul do estado de Piauí precisa de um governo local próximo, “sob pena de transformamos nosso cerrado, dentro de 20 anos, num grande deserto”.

Completou que a ação seria importante também para proteção da fronteira do Estado, pois hoje o extremo sul do Piauí é dominado por baianos, goianos, tocantinenses.

“Temos realmente potencial de governo próprio que, se devidamente instalado ali, vai impactar o Piauí como o ocasionado em Tocantins, quando da criação daquele Estado”, disse Paes Landim.

Agência Trabalhista de Notícias (ELM), com Informativo do PTB na Câmara dos Deputados