Landim quer ações imediatas para recuperar infraestrutura no Piauí

PTB Notícias 17/06/2009, 17:32


Cerca de nove pessoas morreram levadas pelas águas do rio Pirangi, que invadiram a cidade de Cocal, no Piauí, em razão da ruptura, em maio, da barragem Algodões 1.

Várias pessoas ficaram desaparecidas, centenas de casas estão destruídas e mais de duas mil pessoas estão desabrigada.

Segundo avaliou Paes Landim (PTB-PI), a região norte do Piauí vive o pior drama da sua história, resultante das chuvas torrenciais que vêm ocorrendo desde janeiro.

O deputado fez um apelo ao ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, para que visite imediatamente a região de Cocal, de Buriti dos Lopes e de Parnaíba, para ver de perto a realidade dos moradores e determine providências imediatas para reparar os prejuízos.

Em Parnaíba, relatou Paes Landim, as águas do rio Igaraçu destruíram praticamente toda sua infraestrutura urbana e deixaram cerca de mil famílias desabrigadas.

“Serão necessárias imediatamente providências para a construção do dique para contenção das águas do rio Iguaraçu”, disse o deputado, informando que são necessários cerca de R$ 10 milhões para recompor a infraestrutura turística de Parnaíba, cidade conhecida como a porta de entrada da “Rota das Emoções”.

O deputado também fez um apelo ao ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, para autorizar a recomposição dos valores da emenda de bancada do Piauí para Parnaíba.

Segundo ele, apenas uma parcela dos recursos foi liberada e empenhada, “mas, diante do quadro dramático em que se encontra aquela cidade, peço ao ministro que autorize essa recomposição imediatamente”.

Codevasf – Paes Landim também defendeu que o comando de todas as barragens do Piauí seja entregue à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

Como lembrou o parlamentar, o Dnocs construiu as barragens, como é o caso da Barragem de Algodões e Jenipapo.

Entretanto, em sua avaliação, quem tem hoje condições estratégicas e políticas para administrar o potencial hídrico dessas barragens é a Codevasf, “porque tem uma história ligada ao semiárido e ao drama do Nordeste”.

“Tenho certeza de que, se a Codevasf estivesse lá presente, não teria acontecido essa tragédia que se abateu agora sobre a região de Cocal”, avaliou.

O deputado ressaltou a importância da retomada das obras do porto de Luís Correia, que, segundo disse, seria o grande instrumento de geração de emprego e renda para as pessoas desabrigadas.

Educação – Paes Landim também pediu ao ministro da Educação, Fernando Haddad, que autorize a futura Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Piauí, cuja instalação está prevista no campus de Parnaíba e que deverá ser a semente da futura Universidade Federal de Parnaíba.

fonte: Jornal do Senado