Lara participa da abertura oficial da Semana Farroupilha em Porto Alegre

PTB Notícias 15/09/2007, 17:41


A abertura oficial da Semana Farroupilha do Rio Grande do Sul foi marcada pelo acendimento da chama crioula, no Palácio Piratini, em Porto Alegre, na manhã desta sexta-feira (14/9).

A cerimônia, comandada pela governadora Yeda Crusius, contou com a participação do secretário estadual de Turismo, Esporte e Lazer, o petebista Luís Augusto Lara e de representantes de entidades tradicionalistas.

Ao acender o candeeiro crioulo, a governadora destacou a importância do tradicionalismo no Estado, que celebra o movimento de independência em um longo período da história gaúcha.

“Com muito orgulho estamos abrindo a Semana Farroupilha, ungidos desse sentimento de gauchismo, que é único e acompanha outro grande sentimento: o de liberdade”, disse.

Já o secretário Lara enfatizou a importância das comemorações farroupilhas para os gaúchos: “A Semana Farroupilha baliza e resgata valores e mostra que o Estado está acima de qualquer problema”.

Ele também aproveitou a oportunidade para fazer um chamamento para que todos se integrem ao desfile de 20 de setembro, considerado o ponto alto dos festejos.

Neste ano, o evento será realizado na Avenida Edvaldo Pereira Paiva (Beira Rio), na Capital.

Outras 15 cidades (Rosário do Sul, Caçapava do Sul, São Gabriel, Bagé, Santana do Livramento, Passo Fundo, Piratini, Caxias do Sul, Alegrete, Tapes, Novo Hamburgo, Santa Maria, Santo Ângelo, Vacaria e Arroio Grande ) também promoverão desfiles temáticos.

“Hoje abrimos oficialmente a Semana Farroupilha, mas desde o início do mês as programações em Porto Alegre e no Interior estão acontecendo.

Estamos preparando um grande espetáculo para o dia 20 de setembro, resgatando nossa história e reverenciando, com força total, as nossas tradições”, apontou Lara.

A solenidade contou ainda com a participação de cavalarianos, do patrono da Semana Farroupilha, Nico Fagundes, do presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Oscar Gress, e do presidente do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore (IGTF), Manoelito Savaris.

fonte: site do PTB – RS