Lideranças do PTB-SP e da UGT são recebidas pelo governador Alckmin

PTB Notícias 2/02/2015, 8:52


O presidente do PTB de São Paulo e secretário-geral do partido, deputado estadual Campos Machado, acompanhado do presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Ricardo Patah, e do presidente da UGT-SP e da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta, foram recebidos pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) em reunião no Palácio dos Bandeirantes, na quarta-feira (28/1/2015).

Na oportunidade, o governador cumprimentou o trabalho, em favor dos trabalhadores, que é feito pela UGT, hoje considerada a segunda maior central sindical do país.

Campos Machado informou do trabalho político que está sendo feito, em conjunto, pelo PTB estadual e a UGT.

Anunciou, ainda, que, até março, duas das unidades estaduais da UGT, dentre elas a de Pernambuco, estará se filiando ao PTB, sendo que as filiações deverão ocorrer na capital paulista.

O governador, atendendo a solicitação feita por Ricardo Patah, comprometeu-se a liderar, em âmbito nacional, a implantação do mínimo regional por categoria, como havia feito em São Paulo.

Nos próximos dias, Alckmin, em encontro previsto com o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), vai sugerir ao mandatário goiano a implantação desta medida, que contempla as diferenças sociais e econômica do país.

O governador paulista ficou ainda de comparecer à festa de comemoração do “Dia da Mulher”, patrocinado pela UGT, que acontecerá em São Paulo, no próximo dia 8 de março.

Para Campos Machado, “o governador Geraldo Alckmin tem um carinho e um respeito muito grande pela classe trabalhadora, não só do Estado, como de todo o país”.

“O PTB sentia muito orgulho da sua parceria com uma central sindical, que tem os olhos, unicamente, voltados para o bem-estar da nossa classe trabalhadora”, acrescentou o presidente do PTB-SP.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do PTB-SP Foto: Divulgação/PTB-SP