Luis Augusto Lara lança campanha ‘Valores que Ficam’ no Rio Grande do Sul

PTB Notícias 27/03/2019, 11:00


Imagem Crédito: Wilson Cardoso/ALRS

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1553701190697{margin-bottom: 0px !important;}”]A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul realiza nesta sexta-feira (29), em Pelotas, a segunda de uma série de dez audiências públicas para divulgar a campanha “Valores que Ficam”, que incentiva a doação de parte do Imposto de Renda (IR) devido por pessoas físicas ao Fundo da Criança e do Adolescente (Funcriança), e para debater temas que estão no centro da agenda política do Estado, como as privatizações e as concessões de serviços públicos.

A meta da campanha, lançada esta semana pelo presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, deputado Luis Augusto Lara (PTB), é estimular os gaúchos que declaram o Imposto de Renda pelo modelo completo a utilizar a ferramenta disponível no próprio formulário do IR para fazer doações de até 3% do valor devido ao Funcriança, e assim dirigir esses recursos para entidades assistenciais do Estado. Estimativas da Receita Federal indicam que cerca de R$ 400 milhões poderiam permanecer no RS graças a essas doações.

“Queremos criar a cultura da doação. Temos o poder de aumentar as verbas para nossas entidades assistenciais e hospitais, mantendo esses recursos aqui”, destaca Lara.

De acordo com a legislação, os contribuintes que optarem pelo modelo completo podem doar até 3% do imposto devido no momento da declaração. Quem fez doação por estimativa no ano passado e utilizou só uma parte do limite permitido (até 6% do imposto devido), pode agora fazer nova doação, limitada a 3%, para completar o percentual total.

Com informações da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]