Luísa Canziani anuncia obras do campus do Instituto Federal do Paraná

Agência Trabalhista de Notícias 29/06/2020, 8:00


Imagem Crédito: Divulgação/Assessoria

As obras para construção do novo campus avançado do Instituto Federal do Paraná (IFPR) de Arapongas (PR) começam no próximo mês. As obras, orçadas em R$ 1,5 milhão, serão viabilizadas por uma emenda da deputada Luísa Canziani (PTB-PR) no valor de R$ 500 mil que já está empenhada, enquanto o restante, R$ 1 milhão, é de recursos do próprio IFPR. O processo de licitação foi concluído na semana passada e a empresa DAC Pontes Engenharia, de Rondônia, foi a vencedora e será a responsável pela execução do projeto.

“É uma notícia extraordinária, que merece ser muito comemorada. Quem nos acompanha sabe o quanto lutamos arduamente por essa obra, pois sabemos o quanto ela abre de possibilidades para o desenvolvimento de Arapongas e região”, afirma o prefeito Sérgio Onofre, destacando o apoio do ex-deputado federal Alex Canziani e da sua filha, Luísa, para a consolidação do projeto.

“A implantação de um campus do IFPR em Arapongas é um sonho antigo e que se tornou realidade graças ao empenho de nossos parceiros, como o prefeito Sérgio Onofre, o reitor Odacir Antonio Zanatta, diretor Thiago Pereira do Nascimento e todo o corpo docente”, afirmou Luísa.

Neste primeiro momento será construído o primeiro bloco, que terá 930 metros quadrados de área. Serão dez salas de aula, o que inclui laboratórios de informática e de tecnologia, biblioteca, área administrativa, sala dos professores e sala de apoio acadêmico, além de obras das ruas de acesso, estacionamento e paisagismo. O prédio será erguido em um terreno de 175 mil metros quadrados, doado pela Prefeitura no ano passado e que está localizado em uma área de extensão no Parque Industrial, nos fundos do Expoara.

A expectativa é que as obras estejam concluídas no primeiro semestre do próximo ano. O IFPR funciona desde o ano passado em um prédio provisório, na área central da cidade, cedido pela Prefeitura.

Atualmente oferece quatro cursos de curta duração e atende, gratuitamente, cerca de 150 alunos. O campus avançado de Arapongas é o 26º do Estado e foi criado para oferecer cursos com foco nas áreas de inovação, empreendedorismo e tecnologias. “A partir da construção do campus, nossa expectativa é de expansão na oferta de cursos”, salientou o diretor Thiago Pereira do Nascimento.

A instalação da instituição em Arapongas foi autorizada por meio de portaria assinada pelo então ministro da Educação Rossieli Soares da Silva, por intermédio do então deputado federal Alex Canziani, nos últimos dias de dezembro de 2018.

Com informações do Portal Arapongas